Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Ananindeua também decreta ponto facultativo nas sextas-feiras de julho

Medida começou a valer na última sexta-feira (8) e segue em vigor até o dia 29

O Liberal

A Prefeitura de Ananindeua também decretou ponto facultativo nos órgãos e entidades da administração pública municipal nas quatro sextas-feiras do mês de julho, período de férias escolares. A medida começou a valer na última sexta-feira (8) e segue em vigor até o dia 29 deste mês, conforme o decreto nº 714, de 4 de julho de 2022, assinado pelo prefeito Daniel Santos e publicado no Diário Oficial do Município do dia 6 de julho.

Conforme o documento, os órgãos de arrecadação, saúde pública, trânsito e transporte públicos, limpeza pública e retirada de entulho, segurança pública e os espaços de visitação turística estabelecerão escalas de serviço, a fim de que o atendimento à população não sofra solução de continuidade.

VEJA MAIS

Belém: saúde e outros serviços essenciais funcionam normalmente em julho, garante prefeitura
A Prefeitura trouxe explicações sobre a portaria que determinava ponto facultativo às sextas-feiras: os serviços de saúde e vários outros assistenciais não estão inclusos

Carnaval é ponto facultativo, não feriado nacional; entenda a diferença
Pela norma, fica a cargo do empregador a decisão de manter as atividades do empregado normais ou conceder folgas.

Belém terá 18 pontos facultativos e feriados em 2022; Veja quais são
Algumas datas vão cair próximo ao final de semana o que pode dar alguns dias a mais de descanso

Em um comunicado publicado nas redes sociais, nesta quinta-feira (14), a Prefeitura de Ananindeua informa sobre as mudanças no expediente, reforçando que os setores de serviços considerados essenciais à população “como saúde pública, segurança pública, trânsito e transporte públicos, limpeza pública e retirada de entulho e espaços de visitação turística”, vão trabalhar sob regime de escala.

Capital paraense

Em Belém, a Prefeitura também decretou ponto facultativo às sextas-feiras, por meio da portaria n° 1.690/2022, da Secretaria Municipal de Administração (Semad). Assim como em Ananindeua, porém, a medida estabelece manutenção de serviços considerados essenciais, que também vão trabalhar em regime de escala, entre eles Unidades Básicas de Saúde (UBS), serviços de proteção social especial de média e alta complexidade; rede de abrigos e casa de passagem; serviço de acolhida em abrigo para crianças e adolescentes; serviço de acolhida em abrigo para mulheres vítimas de violência; serviço de acolhida em abrigo para adultos e famílias em situação de rua; Serviço de Calamidade e Emergência (Sicape); centro especializado para pessoas em situação de rua; unidades de plantão da Funpapa e Conselhos Tutelares; e serviços essenciais da Guarda Municipal de Belém.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA