Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Tarcísio Meira se declara para Glória Menezes em 58 anos juntos

Às vésperas do Dia dos Namorados, eles contam histórias de vida e carreira no especial 'Os Casais Que Amamos', do Viva

Com informações do GShow

Com o Dia dos Namorados chegando, Tarcísio Meira e Glória Menezes falam do amor que construíram em 58 anos de casamento e sobre a vida profissional no especial "Os Casais Que Amamos", que o canal Viva exibe no próximo sábado, 6. Casados A vida desses grandes atores se confunde com os personagens marcantes que tiveram na teledramaturgia brasileira.

Trecho do especial foi antecipado pelo GShow: Tarcísio, com 84 anos, declara o amor e a profunda admiração pela esposa e colega de trabalho, que está com 85 anos. Glória responde com um olhar emocionado e de cumplicidade. O casal teve apenas um filho, o ator Tarcísio Filho.

Ela está no ar, atualmente, na novela "Totalmente Demais", no papel de Estela, mãe de Arthur (Fábio Assunção) que ensina etiqueta para Eliza (Marina Ruy Barbosa).

"Nós fomos mudando, crescendo e envelhecendo ao mesmo tempo, então isso foi nos tornando também, além de tudo, parceiros, muito amigos e confidentes. É um sentimento muito especial que temos um pelo outro e, talvez por isso, porque nós sempre nos apegamos muito um ao outro e dependemos muito um do outro. Sinto muita falta de Glória e sei que ela sente a minha quando estou fora", afirma Tarcísio.

Eles relembram quando se conheceram, na peça “Uma Pires Camargo”, e de quando trabalharam juntos na primeira novela diária do país, “2-5499 Ocupado” (1963), da TV Excelsior.

Tarcísio e Glória em 'Cavalo de Aço' (Globo)

“Havia alguns diretores argentinos e eles insistiam que a gente fizesse novelas. Não nos sentíamos à vontade, mas fizemos porque éramos contratados da emissora. E nos espantamos ao ver que dias depois da estreia a novela era um sucesso”, conta o ator.

Na Globo, contracenarem em "Sangue e Areia" (1967), adaptação de Janete Clair com direção de Daniel Filho. “‘Sangue e Areia’ foi feita com muito pouco recurso. Minha roupa de toureiro era muito bonita. Quando tínhamos que gravar, íamos para o terraço da emissora e se improvisava uma arena para eu tourear”, revela.

O casal também esteve junto no clássico "Irmãos Coragem" (1970). “Na novela eu fiz três papéis, Lara, Diana e Márcia. Era uma loucura, porque se você já troca muito de roupa com um personagem, imagina com três”, conta a atriz.

“Tarcísio e Glória não são apenas o primeiro casal a fazer sucesso na telenovela, eles são a própria telenovela brasileira. Foi através do talento deles que outros casais apareceram, e através do talento deles que nós tivemos novelas impressionantemente boas e muito populares”, avalia o autor e diretor Silvio de Abreu.

Outros trabalhos em que Tarcísio e Glória atuaram juntos na televisão foram: as novelas "O Homem que Deve Morrer" (1971), "Espelho Mágico" (1977) e "Torre de Babel" (1998) e no seriado Tarcísio & Glória (1988).

A Favorita (2008)

Televisão
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM TELEVISÃO

MAIS LIDAS EM CULTURA