Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pocah chora ao falar de racismo sofrido pela filha de 5 anos

O caso aconteceu quando a cantora estava confinada no BBB 21.

Redação Integrada

Pocah se emocionou ao ser questionada no programa "Altas Horas" sobre o racismo sofrido pela filha de apenas cinco anos. A cantora veio às lágrimas quando o apresentador Serginho Groisman perguntou sobre o assunto, neste sábado, 29. O crime ocorreu quando Pocah estava confinada na casa do Big Brother Brasil 21.

“A Vitória tem cabelos lindos, acho minha filha perfeita e não é porque é minha filha, não. Linda e maravilhosa. Uma das piores coisas que encontrei aqui fora foi saber que a minha filha foi vítima de racismo”, disse a artista.

"Foram palavras muito cruéis, pesadas. Não sei como essas pessoas conseguem dormir. Estou buscando forças para lutar contra, estou disposta a lutar contra, sempre fiz parte e achei necessário usar a minha voz, visibilidade para lutar contra o racismo. Agora tenho um motivo muito maior que pretendo seguir", completou.

Pocah contou que está fazendo o máximo para proteger a filha das informações sobre esses ataques. “Nenhuma mãe está pronta para ver um filho passar por isso. Ninguém está pronto para viver isso. Ninguém está pronto para ser machucado, para sofrer preconceito, racismo”, declarou.

A cantora afirmou, ainda, que está buscando forças para lutar contra o racismo. “É um crime e todas essas pessoas que fizeram isso com uma criança de cinco anos devem pagar por isso, pelo dano que estão causando na minha família”, acrescentou.

Televisão
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM TELEVISÃO

MAIS LIDAS EM CULTURA