Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Cena de masturbação em 'Um lugar ao Sol' ganha debate na Internet

Autora da trama comentou a reação do público à cena de Andréa Beltrão na novela das nove

O Liberal

Uma nova polêmica veio à tona na televisão brasileira com a exibição de uma cena de masturbação da personagem Rebeca, interpretada por Andrea Beltrão. A imagem, que foi transmitida nesta quarta-feira, 24, na novela Um Lugar ao Sol, da Rede Globo, gerou muitos comentários sobre o tema nas redes sociais e, claro, com muita polêmica sobre o assunto.

A autora Lícia Manzo explicou o que a motivou a levantar a temática do prazer feminino no horário nobre. "Minha intenção ao escrever a cena foi tirar do armário algo normal e saudável. Que a mulher possa explorar, conhecer o próprio corpo. Escrevi a cena porque mulheres também sentem prazer e desejo. Porque a sexualidade é parte da vida das mulheres, e não só dos homens".

Na trama, Rebeca vive um casamento tóxico com Tulio. Traída pelo marido, a personagem tenta ignorar os indícios de que relação entre eles faliu há um bom tempo. Da parte do empresário inescrupuloso falta afeto, cuidado e atenção. "Escrevi a cena porque num casamento tóxico, abusivo, a saída mais que honrosa de uma mulher pode ser buscar a conexão perdida com ela mesma, redescobrindo o prazer em si mesma", afirmou Lícia.

"Solidão a dois é algo terrível. E o caminho para a libertação de Rebeca, assim como para outras mulheres, está, literalmente, em suas próprias mãos – e em seu próprio corpo", completou.

Antes de se recusar a transar com o marido, Rebeca tenta manter um diálogo básico com Tulio: procura desabafar com o marido sobre os conflitos familiares que encarou durante o dia, mas não tem sucesso. Após ser flagrada em um momento de autoprazer, a personagem tenta explicar ao marido o motivo de ter optado por se satisfazer sozinha.

"Tudo o que eu queria era um beijo, um abraço, uma conversa sobre o que eu tinha vivido com a minha irmã e que não foi nada agradável. O que eu quero dizer é que uma coisa conduz à outra: a transa não começa na transa. Começa de manhã, no jeito que você me trata".

Repercussão

Logo após a exibição das cenas, o assunto tomou conta das redes sociais, com opiniões divididas. "Lícia Manzo acabando com o tabu", cravou Paulo Insul. "Nunca imaginei que um dia eu viria uma cena em que a mulher está se masturbando em pleno horário nobre", declarou Jago Matos.

"Rebeca se masturbando. Socorro! Vai, diva", elogiou Tiago. Já o internauta Danilo se revoltou contra a cena. "Que apelação, Globo. Por isso tá flopando", declarou ele.

Essa, no entanto, não é a primeira vez que o tema aparece em uma novela. Em Coração Alado (1980), de Janete Clair, uma cena na qual Débora Duarte se masturbava deixou o público perplexo. A atriz, aliás, interpreta a mãe de Rebeca na atual novela das nove.

Natali Gutierrez, sexóloga e nome à frente da Dona Coelha, comenta sobre esse tema que ainda é considerado um tabu. “É muito importante ter uma cena dessas em uma emissora de alcance nacional, temos que libertar nossos pensamentos e entender que a masturbação faz parte da vida das pessoas e principalmente das mulheres. Somente assim, elas podem se conhecer cada vez mais e encontrar uma vida sexual mais prazerosa”.

Televisão
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM TELEVISÃO

MAIS LIDAS EM CULTURA