Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Concerto da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz celebra bicentenário da Independência

O repertório recheado de composições brasileiras, contará com o solo da pianista Ana Maria Adade.

Enize Vidigal

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP) apresenta nesta terça-feira, 6, o concerto alusivo aos 200 anos da Independência do Brasil. Sob a regência do Maestro Miguel Campos Neto, os 73 músicos da OSTP irão executar cinco obras de compositores nacionais, como Carlos Gomes e Heitor Villa-Lobos. Ainda, a pianista Ana Maria Adade fará o solo da primorosa composição do norte-americano Louis Moreau Gottschalk (1829-1869), que “brinca” com o Hino Brasileiro trazendo novos acordes e arranjos variados. O espetáculo inicia às 20h, no Theatro da Paz.

O concerto do bicentenário da Independência é realizado pelo governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), Theatro da Paz e Academia Paraense de Música (APM).

O repertório de música brasileira inicia com a “Protofonia da Ópera Il Guarany”, de Carlos Gomes (1836-1896), peça conhecidíssima do público, especialmente pelo fato da melodia oficial ser tocada diariamente na abertura do programa A Voz do Brasil, há anos. Esse concerto retrata os povos nativos do Brasil, principalmente os Guaranís e os Aimorés.

Logo em seguida, a orquestra apresenta “Trenzinho do caipira” (Bachianas Brasileiras n° 2), de Villa-Lobos (1887-1959). “Essa melodia é reconhecida por qualquer brasileiro”, afirma o maestro. Logo depois, a divertida peça “Mourão”, de César Guerra-Peixe (1914-1993); “Batuque”, de Oscar Lorenzo Fernandez (1897-1948); e a contemporânea alusiva ao folclore, “Mulher rendeira tema e variações”, de Fernando Morais (1946).

Ana Maria Adade fará solo de piano no concerto. (Divulgação)

A pianista, solista, camerista e professora Ana Maria Adade, participa do encerramento do concerto como solista da obra de Gottschalk, renomado compositor internacional do século XIX. De influências e descendência francesa e alemã, o artista norte-americano se relacionava com a família real brasileira e dedicou algumas obras ao Brasil, como a “Grande Fantasia sobre o Hino Nacional Brasileiro”, uma série de variações para piano solo que será executada com o acompanhamento da OSTP.

Ana Maria participa desde a primeira edição do Festival de Ópera do TP, com montagens como “Machbeth”, “Otelo”, “Soror Angelica” e outras. Atuou como pianista da OSTP, na área administrativa, de de 2006 a 2020; foi diretora do Instituto Estadual Carlos Gomes, coordenadora da Fundação Carlos Gomes e coordenou e organizou a publicação de livros, como “Memórias do Instituto Estadual Carlos; 2ª Edição do livro “Canções”, de Waldemar Henrique; e Catálogo Ilustrativo sobre o “Memorial do Instituto Carlos Gomes”.

“Escolhemos a música de compositores brasileiros e, neste caso, dois nomes não poderiam faltar, Carlos Gomes e Villa-Lobos com suas músicas mais representativas”, destaca o maestro, que está à frente da OSTP desde 2011. “Louis amava o Brasil e se dedicava ao Brasil, tocando aqui várias vezes, estava nos torneios e uma coisa curiosa do destino é que ele acabou morrendo no Brasil. Ele estava em turnê no Rio de Janeiro, passou mal, adoeceu e veio a falecer no país que ele tanto amava. Foi sepultado com grande honra no cemitério de São João Batista e só depois seus restos mortais foram transferidos para um cemitério em Nova Iorque”, finalizou.

Agende-se:

Concerto da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz alusivo aos 200 anos da Independência do Brasil

Dia: Terça-feira, 6

Hora: 20h

Local: Theatro da Paz

Ingressos a R$ 2,00 disponíveis para retirada no dia do concerto, a partir das 9h, na bilheteria digital; e ingressos gratuitos na bilheteria do Theatro da Paz, partir das 18h. Limite de Ingressos gratuitos por CPF.

 

 

Música
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MÚSICA

MAIS LIDAS EM CULTURA