Mais Liberal

Sob coordenação do Departamento de Marketing do Grupo Liberal, versa sobre os temas relacionados à economia, negócios, tecnologia, comportamento e áreas afins. Publicação aos domingos, terças e quintas. A coluna recebe sugestões pelo e-mail maisliberal@oliberal.com.br.

Um lugar quase mágico, Instagram e Belém pra Ver e Sentir

Mais Liberal

Lugar quase mágico

Real Gabinete Português de Leitura

A Mais Liberal esteve no Real Gabinete Português de Leitura, no Centro do Rio de Janeiro. Um edifício de arquitetura manuelina, inspirado no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, e que abriga mais de 350 mil volumes, a maior coleção de obras portuguesas fora de Portugal. Foi eleita pela Time uma das 20 bibliotecas mais bonitas do mundo. No acervo, peças raras como as primeiras edições de "Os Lusíadas", de Camões. Acompanhe, a seguir, um passeio por esta preciosidade da época do Império Brasileiro.

Felipe Bulcão, cirurgião-dentista, desembarca em Belém, após 13 anos de atuação e estudo na Europa, e promete trazer conhecimento e expertise para a sua clínica Brazilian Dental Group, que agora conta com duas unidades, em Icoaraci e no Tenoné (Divulgação)

Boomerang

Febre desde que foi lançado, o recurso do Instagram que permite fazer um efeito de vai e volta nas imagens ganhou três novos formatos:

- SlowMo. Reprodução do Boomerang em câmera lenta;
- Echo. Cena em looping ganha efeito trilha com ligeiro desfoque no movimento;
- Duo. Espécie de rebobinação com microfalhas na tela de um dispositivo.

Belém pra Ver e Sentir

Ainda em clima de homenagem pelos 404 anos da nossa capital, a Mais Liberal apresenta o lugar predileto de alguns profissionais que são apaixonados pela Cidade Morena.

Pepeu Garcia, economista e presidente do Grupo Paraense de Decoração (GPD) (Divulgação)
Bosque Rodrigues Alves (Oswaldo Forte / O Liberal)

"O Bosque Rodrigues Alves, nosso Jardim Botânico da Amazônia, é um desses presentes que a cidade de Belém ganhou e não pode se esquecer jamais. Algumas horas dentro desse ambiente nos faz esquecer que estamos no meio de uma metrópole como Belém. Manter essa riqueza é fundamental para continuarmos sempre a ter por perto de nós esse rico bioma amazônico. Precisamos visitar mais." — Pepeu Garcia, economista e presidente do Grupo Paraense de Decoração (GPD)

Luciana Henriques, administradora da loja Casabela (Divulgação)
Ver-o-Peso (Oswaldo Forte / O Liberal)

"O mercado do Ver-o-Peso é o local mais emblemático de Belém. É impossível apresentar a nossa cidade a um visitante sem mostrar a feira, com suas curiosidades, como as barracas das ervas... Passear pelos corredores repletos de produtos saborosos e que todo paraense adora apreciar. Gosto da energia e da alegria que emana dos feirantes. Todos os belenenses estão ansiosos pela tão sonhada reforma deste espaço que, sem dúvida alguma, é a alma de Belém." — Luciana Henriques, administradora da loja Casabela

Mais Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!