Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

MAIS LIBERAL

Sob coordenação do Departamento de Marketing do Grupo Liberal, aborda os temas relacionados à economia, negócios, tecnologia, comportamento e áreas afins. Publicação aos domingos, terças e quintas. A coluna recebe sugestões pelo e-mail maisliberal@oliberal.com.br.

Papo Liberal com o presidente do Sindicato dos Médicos do Pará e a visita de Alok ao Estado

Mais Liberal
Wilson Machado (Arquivo Pessoal)

Papo Liberal

A Mais Liberal conversou com Wilson Machado, médico e diretor de imprensa e divulgação do Sindicato dos Médicos do Pará, sobre as ações realizadas e os impactos da pandemia para os profissionais de saúde.

Como você avalia as ações de combate e prevenção à covid-19 realizadas no estado até aqui?

Esta pandemia surpreendeu a todos, quer seja pela incredulidade da maioria dos gestores e agentes públicos, com a consequente demora nas providências pertinentes, quer seja pela falta de disciplina por parte da maioria das pessoas em cumprir as recomendações das autoridades sanitárias para minimizar o contágio. O resultado de tudo isto é que estamos sempre atrasados na reação aos picos da pandemia, com um enorme número de infectados e perdas de vidas.

O Pará soma mais de 80 mortes entre médicos, vítimas de covid. Você acha que a exposição da classe vem sendo realizada de forma segura, com uso de equipamentos adequados, por exemplo?

O Pará já perdeu 86 médicos para a covid-19 até aqui. Entre as causas, temos a exposição diária ao coronavírus em função do ofício, aliada à falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e coletivo adequados, em qualidade e quantidade. Além disso, a falta de observação adequada das recomendações técnicas de proteção dos servidores da saúde, a meu ver, explicam este alto índice de doentes e perdas de vidas entre os médicos.

Quais ações foram realizadas pelo Sindicato durante este período?

O sindicato, durante todo esse processo de pandemia, vem se mantendo atento às condições de trabalho para o médico, no que se refere aos EPIs, equipamentos de trabalho, excesso de horas trabalhadas, relação de trabalho, remuneração adequada, risco de acidente de trabalho, alertando as autoridades de saúde e a sociedade para possíveis abusos cometidos. É nosso dever de ofício zelar pela permanente segurança no exercício da medicina destes profissionais. Denunciamos aos gestores, ao Ministério Público, à Justiça e ao Conselho Regional de Medicina (CRM), sempre que necessário, em defesa do médico.

Quais os principais impactos da pandemia observados entre os profissionais de saúde?

Adoecimento com alto índice de instabilidade emocional, em graus leve, moderado e severo, obrigando o afastamento por invalidez temporária e até permanente em alguns casos, além das sequelas que sofrem aqueles que têm quadros mais graves. O maior impacto foi a perda de 86 vidas entre os médicos, com raras exceções, ainda bastantes atuantes.

Quais as suas expectativas no cenário da saúde para os próximos meses?

Teremos ainda que manter todos os cuidados recomendados, mesmo tendo tomado a vacina, porque novas variantes estão surgindo e novas ondas de Covid-19 estão por vir.

Que mensagem você deixa para os profissionais da saúde e para a população?

Recomendo a total atenção aos cuidados sanitários, apreço pela vida das pessoas, confiança na ciência e esperança que dias melhores virão!


NOTAS: 

Betânia Fidalgo, reitora da Unama, e Janguiê Diniz, fundador do Grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito, apresentaram, esta semana, a sede da Unama Alcindo Cacela ao DJ Alok, que aproveitou a passagem pelo estado para conhecer também o ZooUnama, em Santarém, espaço que recebe animais resgatados (Divulgação)

Trote solidário

Calouros da Estácio, em Belém e Castanhal, estão participando da tradicional ação, que faz parte, há mais de oito anos, do Programa Boas-Vindas da instituição. Em Belém, a campanha é destinada a ajudar a Creche Lar Cordeirinhos de Deus, por meio de doação de calouros e veteranos da instituição, via Pix. O valor mínimo é de R$ 1,00 e pode ser realizado até 14 de maio. Já em Castanhal, a Estácio coletou cerca de 450 pacotes de fraldas geriátricas, que serão doadas ao Asilo Casa da Fraternidade, localizado no Distrito de Apeú, e comunidades ribeirinhas.

DC FanDome
A segunda edição virtual do evento que reúne o que vem por aí nos quadrinhos, programas de televisão, games e filmes relacionados às propriedades da DC Comics foi confirmada. Será em 16 de outubro deste ano. No ano passado, o DC FanDome apresentou vários “mundos virtuais” com cursos, bate-papos, encontros e, claro, as novidades da DC Comics, do Universo Estendido DC no cinema, do Arrowverse nas telinhas e da WB Games.

Novo Museu
O Movimento de Emaús, que há 50 anos atua em defesa de crianças e adolescentes em estado de vulnerabilidade social, deu a largada no projeto de construção do Museu dos Direitos da Infância e Adolescência no Pará. O trabalho começou com a gravação de depoimentos de pessoas que vivenciam a luta por direitos da juventude, para a construção de um acervo de memórias.

Aquecido
O varejo digital faturou R$ 35,2 bilhões no primeiro trimestre de 2021. Alta de 72,2% em relação aos três primeiros meses do ano passado. De acordo com o relatório da Neotrust, além de comprar mais, os brasileiros também estão gastando mais: com média de R$ 447,9 por compra, o tíquete médio cresceu 9,4%. Neste período, foram realizados 78,5 milhões de pedidos via e-commerce, incremento de 57,4% no comparativo.  

E agora?
Uma decisão do Superior Tribunal de Justiça, em Porto Alegre, deixou donos de imóveis para alugar no Airbnb apreensivos. Indicou que as convenções de condomínio podem proibir os moradores de fazer locação por meio de plataformas digitais. A prática de hospedagem, segundo o TJ gaúcho, caracteriza atividade comercial. 

Palavras-chave

Mais Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS LIBERAL