Mais Liberal

Sob coordenação do Departamento de Marketing do Grupo Liberal, versa sobre os temas relacionados à economia, negócios, tecnologia, comportamento e áreas afins. Publicação aos domingos, terças e quintas. A coluna recebe sugestões pelo e-mail maisliberal@oliberal.com.br.

Fernando Gueiros, Égua do Chef! e Festival de Carimbó

Mais Liberal

PAPO LIBERAL

Sucesso de crítica e de audiência, a iniciativa da Globo de levar apresentadores de suas afiliadas para representar seus respectivos estados e o DF na bancada do JN chegou ao fim ontem, 30/11. Quem recebeu e preparou os 28 jornalistas convidados na Central Globo de Jornalismo, no Rio, foi Fernando Gueiros, diretor de Produção e de Eventos Especiais de Jornalismo da Globo. Ele bateu um papo com a Mais Liberal.

Fernando Gueiros (esq.), Priscilla Castro e Carlos Tramontina (Divulgação)

Como surgiu a ideia de celebrar os 50 anos do JN com jornalistas de todo o Brasil?

Foi uma ideia do Ali Kamel, diretor de Jornalismo. Ele pensou em reforçar o conceito de abrangência realmente nacional do jornal.

Como a Globo avalia o projeto?

O projeto foi um sucesso, muito bem-avaliado. Tanto internamente, nas afiliadas de todo o Brasil, como junto aos telespectadores pelo País.

O principal ponto que percebi, pelo retorno que tive dos apresentadores, foi a chance dos estados se verem representados na bancada do JN. Foi muito, muito positivo nesse sentido, tendo provocado profundo orgulho na audiência de cada praça, conforme o apresentador da semana.

Qual o principal ativo dessa experiência? Para a Globo e para os profissionais convidados?

Para a Globo, foi o de poder mostrar novos rostos, estilos e sotaques que o jornalismo tem pelo Brasil, dando uma "nova cara" ao jornal, nas comemorações dos 50 anos.

Para os apresentadores, sem dúvida, foi a emoção, a oportunidade e o grande desafio profissional de ocupar a bancada do jornal mais importante é tradicional da televisão brasileira.

Todos se sentiram prestigiados, emocionados e felizes em poder  ocupar as posições de âncoras no JN. Além de ser um ponto alto na carreira de cada um, estavam ali representando seus estados. E se saíram brilhantemente, sem exceção!

Há planos de manter apresentadores de outros estados na escala de sábado do JN ou de outros telejornais de rede?

Houve um desdobramento, nesse sentido, divulgado essa semana, com o anúncio de que o Márcio Bonfim, apresentador do NE1, da Globo Nordeste, foi convidado a fazer as férias do Tadeu Schmidt, no 'Fantástico', agora em dezembro. No ano que vem, passará a compor o quadro de apresentadores do rodízio dos sábados, no JN.

Esse é um "legado". É o resultado positivo que já temos nessas quatorze semanas desde o início do projeto, aos sábados. 

O que já é muito bom, pois o estilo de apresentação muito próprio do Márcio vai refletir, diretamente, no perfil do JN.

ÉGUA DO CHEF

Gabriel Pinheiro será o apresentador do primeiro reality show de culinária paraense. Ele se uniu aos chefs que serão jurados e aos participantes em gravação realizada na última sexta, 29, em Benevides. "Dizem que Touro é o signo das pessoas que mais gostam de comer no zodíaco. Então, acho que me dei muito bem! Sou jornalista, paraense e apaixonado pelos ingredientes que a gente tem aqui na Amazônia. Vai ser incrível dividir isso com quem estiver assistindo ao programa!"

Gabriel Pinheiro (Divulgação)

ÉGUA DO CHEF II

O reality estreia no dia 09 de dezembro. A íntegra dos oito episódios estará disponível no LibPlay, plataforma multimídia de OLiberal.com. Em breve, o portal colocará no ar uma página com curiosidades e os perfis dos participantes do 'Égua do Chef!', que é uma realização do Grupo Liberal e da Unama e tem patrocínio de Arroz Zilmar, Cerpa Draft Super Zero, Líder e Sebrae.

PÍLULAS DIGITAIS

Na Mais Liberal deste domingo, Francy Rodrigues fala sobre compra de seguidores e engajamento nas redes sociais. Assista ao vídeo!

IVETE EM BELÉM

Após três anos, a cantora baiana estará de volta aos palcos na capital paraense. Um dos principais nomes da música no Brasil, Ivete vai apresentar seu novo show, o Live Experience, em evento a ser realizado em janeiro, no Hangar, em comemoração aos dez anos do Boulevard Shopping.

FESTIVAL DE CARIMBÓ

O ritmo paraense considerado patrimônio cultural brasileiro teve os holofotes voltados para Marapanim, onde é realizado, desde sexta-feira, 29, até este domingo, 1, o Festival do Carimbó. A retomada do evento, criado em 2004 e que estava há três anos sem incentivo, foi possível por meio do patrocínio da Celpa, via Lei Semear. Com o tema "O ritmo da Amazônia. A energia do Pará", a celebração cultural movimenta a economia local e o turismo da região.

Mais Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM COLUNAS E BLOGS