Mais Liberal

Sob coordenação do Departamento de Marketing do Grupo Liberal, versa sobre os temas relacionados à economia, negócios, tecnologia, comportamento e áreas afins. Publicação aos domingos, terças e quintas. A coluna recebe sugestões pelo e-mail maisliberal@oliberal.com.br.

Diretoria da Festa de Nazaré apresenta novo casal coordenador

Mais Liberal
Daniel Freire, empresário do setor de alimentos (Divulgação)

Case de Sucesso

Na próxima quinta-feira (31), a Confraria Conjove, evento do Conselho de Jovens Empresários da Associação Comercial do Pará (ACP), recebe Daniel Freire, empresário do setor de alimentos. Ele é diretor da Mércurio Alimentos e vai contar um pouco da sua trajetória e também mostrar o crescimento do grupo no território paraense ao longo da última década. O evento será realizado às 19h, no Vegas Club, em Belém.

Círio 2020

Albano (advogado) e Ana Paula (arquiteta) Martins são os novos coordenadores da Diretoria da Festa de Nazaré para o biênio 2020/2021. O casal já faz parte da diretoria há seis anos. No período, Albano ocupou o cargo de diretor-secretário e, na última gestão, foi o responsável pela Diretoria de Eventos. Agora, a Arquidiocese e a Diretoria da Festa começam os preparativos para o Círio 2020, que terá como tema "Ave Maria, cheia de graça".

Albano (advogado) e Ana Paula (arquiteta) Martins (Divulgação)

Ação Social

Cerca de 200 crianças foram beneficiadas com a primeira ação social da Jornada Acadêmica de Odontologia (JOE) de 2020 da Esamaz. O trabalho reuniu alunos do 4º ao 8º semestres do curso de graduação na Paróquia de São Domingos de Gusmão, no bairro da Terra Firme, em Belém. A iniciativa, que contou com a parceria da torcida organizada do Remo, proporcionou palestras sobre higiene bucal, montou um escovódromo e fez aplicação de flúor e triagem para o atendimento posterior na Clínica de Odontologia da faculdade, além de atividades recreativas, com muitas brincadeiras.

E-commerce

Apesar dos problemas estruturais em muitos sites, já abordados aqui na Mais Liberal, o faturamento com compras via Internet no Brasil durante o terceiro trimestre cresceu 23% em relação ao mesmo período do ano passado. Se comparado ao trimestre anterior, a alta foi de 12%. O total em vendas ultrapassou R$ 18 bilhões. Os dados são de um levantamento realizado pela Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado focada no e-commerce. De acordo com a companhia, as categorias que mais tiveram impacto nas vendas foram Telefonia (com 15% da cifra), Eletrodoméstico e Ventilação (12%), Entretenimento (11%) Moda e Acessórios (9%) e Informática e Câmeras (9%).

E-commerce II

Durante o período, foram realizados 45 milhões de pedidos on-line, 25% a mais que o terceiro trimestre de 2018. Consumidores entre 36 e 50 anos foram os responsáveis por 34% das compras, seguidos por compradores com faixa etária entre 26 e 35 anos (33%). Já os mais jovens, com idade até 25 anos, representam 19% dos pedidos via e-commerces. Clientes acima de 51 anos ocupam o quarto lugar, com 14% das compras.

Double 11 

A Aliexpress, plataforma eletrônica chinesa que possui vendas no Brasil, planeja lançar o "Double 11", Dia do Solteiro chinês, comemorado em 11 de novembro no país. De acordo com a empresa, que faz parte do grupo Alibaba, a ideia é oferecer descontos de até 70%, disputando diretamente com o Black Friday, famoso evento de vendas on-line, mas com a vantagem de ser realizado 18 dias antes.
No ano passado, o Dia do Solteiro foi responsável por US$ 30 bilhões em vendas — a maior cifra já registrada em um evento de e-commerce em um único dia, ultrapassando a Black Friday norte-americana.

Presencial

Três a cada cinco brasileiros ainda efetuam pagamento de contas em agências bancárias físicas, e não pela internet. É o que afirma pesquisa realizada pelo Instituto Ipsos, a pedido da Nubank. O estudo aponta que metade dos clientes de 18 a 34 anos frequentou um banco para resolver algum problema financeiro, que não a quitação de dívida, nos últimos 30 dias. A proporção sobe para 65% entre cidadãos de 45 a 50 anos. Já 27% dos clientes vão a agências para solicitar novos serviços e 23% para tirar dúvidas. A maioria (62%), no entanto, afirma usar a agência bancária para sacar dinheiro.

Mais Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM COLUNAS E BLOGS