Mais Liberal

Sob coordenação do Departamento de Marketing do Grupo Liberal, aborda os temas relacionados à economia, negócios, tecnologia, comportamento e áreas afins. Publicação aos domingos, terças e quintas. A coluna recebe sugestões pelo e-mail maisliberal@oliberal.com.br.

Aprender & Empreender com Dennisy Kalbermatter e a série especial sobre o Rainha das Rainhas

Mais Liberal
Dennisy Kalbermatter (Arquivo Pessoal)

Aprender & Empreender 

Nome: Dennisy Kalbermatter
Idade: 46 anos
Nome do negócio: Dennisy Kalbermatter Biscoitos Decorados
Segmento: Confeitaria
Tempo de atuação: 13 anos

Quais foram os maiores desafios ao iniciar seu negócio?
Somos pioneiros em biscoitos decorados em Belém. Iniciei com um pote de presente, na intenção de apresentar meu trabalho com os biscoitos pintados à mão, e a repercussão foi imediata, com explosão de pedidos e clientes. Os biscoitos se tornaram minha paixão. Sempre digo que, quem entra nesse universo, não sai mais. Meu maior desafio foi profissionalizar um hobby, conciliando com a maternidade, família, volume de clientes e a produção, onde todas as tarefas eram executadas por mim. As 24 horas do dia não pareciam suficientes por anos.

Quais os acertos?
Acredito que a coragem de começar, mesmo sem ter a estrutura ideal, sabendo de todos os desafios que enfrentaria. E também de empreender, mesmo sem ter experiência com vendas. Acertar não significa que está tudo resolvido, mas me dá segurança para avançar, sempre respeitando o tempo de cada momento.

E os erros?
Achar que sempre dou conta de tudo e todos e deixar a minha essência pessoal pra depois são os primeiros e maiores erros de uma sequência deles. O coração sempre quer falar mais alto, onde a razão exige seu lugar. Sou muito reservada, me limitando nos bastidores da produção e é fundamental estar presente, me relacionando de perto com minhas clientes e todos os profissionais do mundo de festas.

Que dica você deixa para quem deseja empreender?
Primeiro, faça o que você ama e vibre com seus resultados, independente do tamanho do seu negócio. Busque o que faz sentido pra você. Não espere ter estrutura para começar. Seja corajoso, inicie com o que você tem. Suas mãos, seu coração, sua intuição, educação e a busca por conhecimento são as melhores ferramentas. Mas não se esqueça de que você é a "alma do seu negócio" Sem emoção não tem sentido.

NOTAS:

Despencou
Com o cancelamento dos blocos e desfiles de Carnaval, a rede de hotéis das principais cidades onde normalmente são realizadas as folias está vazia. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, a taxa de ocupação é 70% menor do que no mesmo período de 2020.

Despencou II
Por conta da baixa em todo o país, o setor hoteleiro está pedindo ajuda. Quer, por exemplo, a suspensão das cobranças de fundo de financiamento, contas de luz e água, além da redução de diversos impostos, como IPTU.

Sem aval da Anvisa
Clínicas particulares de São Paulo estão negociando a venda da Covaxin, vacina indiana que não tem a aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A procura é tanta que já há listas de espera. O preço cobrado pelas duas doses? Cerca de R$ 1.400. A promessa é que em 30 de abril a Covaxin esteja disponível nestes lugares.

Sem aval da Anvisa II
Segundo a Associação Brasileira das Clínicas Particulares, várias unidades da capital paulista têm sondado, muitas vezes via WhatsApp, possíveis interessados na Covaxin. Até o momento, o imunizante não tem pedido de registro para uso emergencial ou definitivo no Brasil.

Consumidor mais consciente
A preocupação com o meio ambiente e causas sustentáveis tem influenciado o comportamento dos brasileiros, inclusive nas compras pela internet. De acordo com a pesquisa "Crescimento do Consumo Sustentável on-line", realizada pelo Mercado Livre, 2,5 milhões de pessoas de toda América Latina compraram produtos sustentáveis entre o período de junho de 2019 e maio de 2020. Só no Brasil foram 1,4 milhão de consumidores.

Reconhecimento 
Ana Carolina Lucena, estudante da Escola de Aplicação da Universidade Federal do Pará (EAUFPA), é um dos destaques do 2º Prêmio “Carolina Bori Ciência & Mulher”, realizado pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Ela recebeu menção honrosa na categoria Meninas na Ciência com o trabalho “A morte como testemunho da vida: família e escravidão nos testamentos do Centro de Memória da Amazônia (Belém, Pará, c.1800-1850)”.

Presença feminina
Atualmente, do total de doutores formados nas áreas de Engenharia e Ciências Exatas e da Terra no Brasil, 34% são mulheres. Em Ciências da Saúde, elas são 67% dos pesquisadores que concluíram o doutorado. Entre as lutas da SBPC, foco em que a Ciência seja um lugar para todos.

Rainha das Rainhas
Por conta da pandemia, o Grupo Liberal não realizará a 75ª edição em 2021. Mas os fãs do maior concurso de beleza e fantasia da Amazônia não ficaram órfãos. OLiberal.com preparou um conteúdo especial, que começou a ser exibido nesta segunda, 15, detalhando a história do Rainhas. Nesta terça, 16, serão relembradas as edições mais marcantes. Já na quarta, 17, o portal disponibiliza um compilado dos desfiles das campeãs dos últimos cinco anos. Para conferir, é só acessar o canal do concurso no LibPlay.

Mais Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM MAIS LIBERAL