Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

CARLOS FERREIRA

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro. | ferreiraliberal@yahoo.com.br

Leão e Papão ainda podem perder posições na rodada

Carlos Ferreira

Hoje, Confiança x Ferroviário. Amanhã, Campinense x Ypiranga, Vitória x Botafogo/PB. Nesses três jogos restantes da rodada, Remo (4°) e Paysandu (10°) podem ser atingidos e sofrer perda de posições.

O Papão cai uma posição se houver vencedor entre Campinense x Ypiranga. O Leão Azul pode perder até três posições, caso haja vencedor entre Campinense x Ypiranga e vitórias dos visitantes Ferroviário e Botafogo/PB. Na pior das hipóteses, o Remo fecharia a rodada no 7° lugar, ainda no G8.

O que mudaria na base com SAF?

Se hoje as categorias de base nos nossos clubes são um "faz de conta", e assim mesmo rendem bons frutos, na esperada "era" das Sociedades Anônimas do Futebol vão funcionar como indústria, em condições profissionais.

A descoberta de talentos e formação profissional vão obedecer padrões ditados pelos grandes clubes europeus, importadores dos grandes craques. O investimento será muito alto em estruturas física e organizacional, conforme as exigências do alto mercado. No futebol profissional o importante para os investidores é o acesso às principais vitrines (competições nacionais e internacionais), que possibilitem os melhores negócios.

BAIXINHAS

* A coluna está focada em informar sobre a nova "era" que está chegando, mas sem qualquer apologia. Esse salto só terá sucesso para os clubes que "casarem" com grupos sérios e competentes. Que sejam responsáveis, então, no namoro, como é agora o caso do Remo com a VL Dunai.

* Falando ao colunista, Leandro Rodrigues, da VL Dubai, disse que no final de maio ou início de junho a empresa anuncia a compra do Swansea City, da 2a divisão inglesa. Ele entende que os remistas passarão a ver a empresa com confiança depois dessa aquisição.

* No Paysandu, Marcelo Toscano fez questão de "herdar" o número de camisa de Henan (20) por entender que o número anterior (40) não estava lhe dando sorte. Será?! No Remo, Uchôa voltou a usar a camisa 4, que era seu número no Papão. Haja superstição..!

* Lucas Bessa, 22 anos, volante, autor do gol da primeira vitória do Atlético Cearense na Série C (1 x 0 no Altos) é fruto do futsal do Remo e filho de Bebeto, também paraense, meia de grande sucesso no Leão no final dos anos 80.

* Castanhal x Juventude Samas em Bragança, Pacajus x Tuna no interior do Ceará. Jogos dos paraenses na próxima rodada da Série D, no final de semana.

* Hoje, 20 horas, cerimônia de premiação do Troféu Romulo Maiorana para os vencedores de 12 modalidades e sete categorias especiais. Esta é a 20a edição da mais abrangente e mais importante premiação do esporte paraense. 

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CARLOS FERREIRA