Carlos Ferreira

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro.

Apático, Remo sofre para superar o Gama

Carlos Ferreira

Com exceção de Vinícius, Ricardo Luz, Fredson e Keven, o Remo foi uma sonolência irritante. Time desatento, apático e desajustado. Sofreu alguns perrengues, mas venceu o Gama (1 x 0) e se habilitou para a próxima fase da Copa Verde. Vai enfrentar o Independente de Tucuruí, que já eliminou o Fast (2 x 0) em Brasília e o Rio Branco (3 x 1) no Acre.

Cumprida a obrigação elementar de seguir na CV, o Leão Azul volta-se agora para a finalíssima da Série C, sábado, contra o Vila Nova, com o compromisso de, pelo menos, honrar a história do clube, depois da goleada humilhante (5 x 1) em Goiânia. Enquanto isso, o clube planeja a primeira etapa da reforna do elenco, com a liberação de alguns na próxima semana. O ex-bicolor Uchôa, primeiro contratado, deve se apresentar na segunda ou na terça-feira.

Galvez, um filho da História

Espanhol, jornalista, diplomata, líder desbravador, Luis Galvez Rodrigues de Arias entrou para a história como “Imperador do Acre” (fundador da “República do Acre”, 1989) e ganhou homenagem com o nome do time da Polícia Militar, atual campeão do Acre, que hoje enfrenta o Paysandu na Copa Verde. Como jornalista, Galvez trabalhou em Belém no Correio do Pará. Hoje, o Galvez, filho da História, aventura-se a eliminar o favorito Paysandu e fazer história no futebol.

O Papão causa apreensão por já estar em transição, sob comando interino (Ailton Costa) e com jogadores de saída. Assim mesmo, é favorito para se classificar e enfrentar o Manaus na próxima fase. Basta que se imponha com a sua inegável superioridade.

BAIXINHAS

* Ailton Costa, técnico interino do Paysandu, trabalha na base do clube desde 2010. Como atleta, o carioca Ailton, zagueiro, veio do Bangu para o Paysandu e depois para o Remo, ainda sub 20. Já profissional, jogou no Remo, no Sport Belém e na Tuna, onde foi campeão brasileiro em 1992.

* Atacante Adriano e o meia Felipinho são os destaques individuais do Galvez, time ofensivo, que fez boa campanha na Série D. Foi eliminado pelo América de Natal na fase que antecedeu a decisão do acesso.

* Thiago Alves, novo executivo de futebol do Leão Azul, foi goleiro do Boavista em 2005 e permaneceu no clube por 15 anos, em diversas funções. Ano passado fez ótimo trabalho ao lado de Paulo Bonamigo. Thiago é muito elogiado pela facilidade de relacionamento e domínio de mercado, virtudes marcantes também em Carlos Kila, que ontem se desligou do clube.

* Meia Mossoró, especulado por azulinos e bicolores na nova busca por contratações, tem contrato com o Ypiranga até o final de 2021. Também cogitados, o volante Tarik foi para o Ituano e o atacante Jean Silva liberado.

* Altos do Piauí e Floresta do Ceará, adversários inéditos para o Paysandu na próxima Série C. O Papão vai reencontrar Santa Cruz, Tombense, Volta Redonda, Ferroviário, Jacuipense, Manaus e Botafogo/PB. 

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CARLOS FERREIRA