Vídeo expõe mulher desmaiada após dar à luz na calçada em frente a hospital particular

Hospital teria se negado a prestar atendimento e mulher não conseguiu suportar. Conselho Regional de Medicina apura o caso.

Redação Integrada

Circulou nas redes sociais, neste domingo (17), um vídeo mostrando uma mulher desmaiada na calçada, momentos após dar a luz, e o recém-nascido chorando no chão. A cena foi filmada em frente a um hospital particular de Belém, que teria se negado a prestar atendimento. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) e o Conselho Regional de Medicina (CRM-PA) já apuram o ocorrido. Na tarde desta segunda (18) o Ministério Público do Pará (MPPA) também confirmou que vai apurar o episódio.

LEIA MAIS:
- Mãe e bebê passam bem após parto ocorrido na calçada de hospital

- Ministério Público vai ouvir família e donos do Hospital Ordem Terceira 

"Isso é omissão de socorro", diz o autor das imagens. "Os funcionários se recusaram a abrir a porta para mulher ter filho, e ela está tendo o filho aqui na calçada." No vídeo é possível escutar vozes criticando o fato de ninguém ajudar a mulher e o recém-nascido, embora ninguém se prontifique a socorrê-los.

"São pessoas desumanas filmando o bebê no chão. Ninguém pegou um lençol para enrolar a criança. Preferem filmar a desgraça dos outros", diz o texto que acompanha o vídeo nas redes sociais. O secretário municipal de saúde, Sérgio de Amorim, confirmou que o hospital tem contrato com o município para prestar atendimento pelo SUS. A Sesma apura o caso. Veja:  

Sesma, CRM e Ministério Público apuram o caso


Em nota divulgada à imprensa, o Conselho Regional de Medicina do Estado do Pará (CRM/PA) informou que irá apurar o fato. Ressaltamos que todas as denúncias que chegam ao conhecimento do CRM/PA são apuradas, sempre em conformidade com o Código de Processo Ético Profissional, observando rigorosamente o sigilo processual e o direito à ampla defesa e ao contraditório", diz a nota.

(Reprodução)

A reportagem de O Liberal entrou em contato, por telefone, com o hospital particular citado no vídeo a fim de solicitar um posicionamento da instituição, assim como checar a veracidade do vídeo, mas a atendente informou desconhecer o caso.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BELÉM