Termina nesta sexta prazo para recadastramento biométrico obrigatório em sete municípios paraenses

Eleitores que ainda não recadastraram, se perderem o prazo podem ter o título de eleitor suspenso

Redação Integrada de O Liberal

Termina nesta sexta-feira (12), o recadastramento biométrico obrigatório em sete municípios paraenses. Os eleitores dos municípios de Baião, Cachoeira do Piriá, Melgaço, Nova Esperança do Piriá, Novo Progresso e Santa Luzia do Pará têm até o final desta semana, para ir até o Cartório Eleitoral ou ao Posto de Atendimento da Justiça Eleitoral de sua cidade e atualizar os dados sob pena de ter o título de eleitor cancelado.

No caso de Aurora do Pará, os eleitores têm um pouco mais que uma semana, pois o prazo encerra na quinta-feira, 19. A pessoa que não regularizar sua situação, além de ter o título cancelado, corre o risco de perder benefícios sociais, como Bolsa Família e Seguro Defeso. Poderá perder também outros privilégios como pedir empréstimos em bancos estatais, retirar passaporte e tomar posse em concursos públicos.

Para fazer o recadastramento, o eleitor deve levar um documento de identificação oficial com foto, que pode ser o RG, carteira de trabalho ou passaporte, além de um comprovante de residência atualizado. O atendimento inclui a atualização de dados cadastrais e mais a coleta de foto e da impressão digital de todos os dedos.

De acordo com levantamento divulgado pelo TRE-PA, na última semana, 100 mil eleitores do Estado estão com seus títulos passiveis de cancelamento e devem renovar seus dados com urgência. Em 2018, o Pará possuía 5,5 milhões de eleitores aptos a votar.

Política