TCE-PA apresenta nova ferramenta de apoio à fiscalização

Ideia da tecnologia é modernizar e aperfeiçoar as auditorias do órgão

O Liberal
fonte

O Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE-PA) apresentou nesta quarta-feira (30) aos servidores da corte o Módulo Auditoria, que integra o Sistema de Apoio à Fiscalização (Fiscalis). A nova ferramenta, segundo o tribunal, proporcionará maior agilidade e organização dos procedimentos de auditorias promovidas pelo órgão.

A apresentação do Módulo Auditoria ocorreu na sede do tribunal, com a participação da conselheira presidente Lourdes Lima, da conselheira vice-presidente Rosa Egídia Crispino Calheiros Lopes, do conselheiro corregedor Fernando Ribeiro e do procurador de contas Guilherme Sperry. O lançamento da ferramenta foi realizado pela secretária de controle externo Ana Paula Maciel e pelo secretário de tecnologia da Informação Carlos Gomes, juntamente pelo controlador Raphael Borges e pelo auditor Moshe Dayan Ribeiro.

VEJA MAIS

image Tribunal de Contas do RJ oferta vagas para promotor com salário de R$ 35 mil
As inscrições podem ser realizadas até o dia 02 de dezembro de 2022

image TCE-PA recebe Selo Ouro de Transparência Pública no Rio de Janeiro
Programa avalia nível de transparência ativa dos portais dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário

image TCE-PA melhora resultados em avaliação de desempenho dos tribunais de contas do país
Tribunal atinge a marca de 41 pontos especialmente pelas iniciativas de fiscalização e auditoria durante a pandemia

Há maior demanda por sistemas destinados a fiscalização

De acordo com a titular da Secretaria de Controle Externo (Secex), Ana Paula Maciel, a demanda por sistemas voltados para a fiscalização de recursos públicos ficou em maior evidência a partir de 2016 no TCE-PA, quando passou a haver mais esforços para o desenvolvimento de ferramentas que auxiliassem as atividades finalísticas diárias do TCE. Criaram-se os sistemas e-Jurisdicionados e Fiscalis, o qual recebeu diversos módulos nos últimos anos.

“O projeto do Módulo Auditoria do Fiscalis é resultado do trabalho em conjunto da Secex e da Setin para fortalecer o controle externo por meio de soluções de TI, sendo mais uma ação prevista no Plano de Gestão 2021-2023 da conselheira Lourdes Lima”, completou o secretário de TI, Carlos Gomes, que expôs o histórico da trajetória dos Sistemas e-Jurisdicionados e Fiscalis no TCE-PA.

O sistema seguirá todas as exigências das Normas Brasileiras de Auditoria do Setor Público (NBASP), com vários desafios para os auditores do TCE, como garantir a padronização das auditorias e aperfeiçoar o controle da qualidade dos serviços de fiscalização.

Durante o evento foram apresentadas as principais funcionalidades do novo módulo que possibilita o planejamento de atividades, o monitoramento da qualidade e a estimativa de custo de auditorias. A expectativa é de que em 2023 o Plano Anual de Fiscalização (PAF) seja 100% executado por meio do recém-lançado módulo do Fiscalis.

A presidente Lourdes Lima elogiou o trabalho da Secex e Setin, dando um novo impulso à área de fiscalização no TCE. “Sabemos da importância da tecnologia da informação para a inovação do Tribunal. Vejo o quanto ela inova a cada segundo e temos que aproveitar esse momento. O nosso TCE está acompanhando o avanço tecnológico e temos recebido os parabéns de outros tribunais pelo nosso desempenho”, disse a conselheira.

Em 2023 haverá oficinas práticas, cursos de capacitação e a criação de manual de uso sobre o Módulo Auditoria para os servidores se familiarizarem com a ferramenta.

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA