Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Em apoio a Eduardo Leite, Tasso Jereissati pede licença do Senado e também vem a Belém

Na capital paraense, o senador tucano vai participar de evento interno do partido, com a presença do governador gaúcho

O Liberal

O senador pelo Estado do Ceará, Tasso Jereissati, estará em Belém no próximo sábado (30), acompanhando o governador do estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, nas prévias do PSDB. Há um mês, Tasso confirmou desistência das prévias e passou a apoiar o gestor gaúcho, que disputa a preferência dos tucanos para ser indicado como candidato do partido à Presidência da República, nas eleições do próximo ano.

Os dois vão passar pouco tempo na capital paraense. Segundo informações repassadas pela assessoria do governador Eduardo Leite, às 9h30 será concedida uma entrevista coletiva em um hotel da cidade, localizado na avenida Nazaré. Logo em seguida, Leite e Jereissati participam do evento com os tucanos paraenses, às 10h, no mesmo hotel.

Durante a tarde, o gestor gaúcho cumpre agenda no estado do Tocantins. Ele disputa a preferência de seus correligionários com o governador de São Paulo, João Dória, que esteve em Belém no dia 8 de setembro, também na tentativa de conseguir a indicação dos tucanos paraenses.

Tasso faz oposição a Dória e desde que anunciou sua desistência das prévias têm manifestado apoio a Eduardo Leite. De acordo com informações divulgadas nesta quinta-feira (28), pelo portal Metrópoles, ele se licenciou do mandato de senador por quatro meses para ajudar o governador gaúcho na campanha. A partir desta sexta-feira (29), ele vai começar viajar pelo Brasil ao lado de Eduardo Leite, em busca de votos ao gestor do Rio Grande do Sul.

Neste final de semana, além de Belém, eles devem visitar as cidades de Teresina (PI) e São Luís (MA).  

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA