Sônia Guajajara e Anielle Franco são empossadas nesta quarta como ministras de Lula

Lula estará no ato simbólico e sanciona lei durante o evento

O Liberal

As ministras escolhidas pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para comandar as Pastas de Povos IndígenasIgualdade Racial, respectivamente, Sônia Guajajara e Anielle Franco, tomam posse nos cargos na tarde desta quarta-feira (11), em Brasília. Inicialmente marcada para esta terça-feira (10), a cerimônia foi adiada após atos terroristas nas sedes dos Três Poderes. As informações são do site Exame.

Lula estará no ato simbólico, o primeiro evento no Palácio do Planalto desde que passou por uma limpeza após os atos golpistas que destruíram o prédio. Nesta manhã, ele confirmou, em publicação no Twitter, que participará da cerimônia e depositou confiança nas ministras. Confira a mensagem:

Segundo o site Exame, o presidente vai aproveitar a ocasião para sancionar a lei que tipifica injúria racial como crime de racismo, aprovada no fim do ano passado pelo Congresso Nacional

Perfis

Guajajara nasceu na terra indígena Araribóia, no Maranhão, e é uma ativista atuante nas questões dos povos originários e ambientais. É reconhecida internacionalmente por diversas denúncias que fez por violações dos direitos dos povos indígenas e está na lista das 100 pessoas mais influentes do mundo, segundo a revista Time.

Anielle se apresenta como educadora, jornalista, escritora, feminista preta, mãe de meninas, doutoranda, diretora do Instituto Marielle Franco e irmã de Marielle. Nasceu no Complexo da Maré, começou a jogar vôlei aos oito anos de idade e acabou se tornando jogadora profissional, passando por times como Vasco e Flamengo.

À frente do instituto, ela já liderou iniciativas importantes, como o lançamento da Plataforma Antirracista nas Eleições, em julho de 2020, para apoiar candidaturas negras nas eleições municipais. Ela coordenou também uma pesquisa para mapear a violência política de raça e gênero no Brasil com o objetivo de fazer um retrato dos direitos políticos das mulheres negras no país.

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA