Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pré-candidato pelo Novo, Luiz Felipe D’Ávila é entrevistado pelo Grupo Liberal

Empresário falará sobre contexto político, propostas para a Amazônia e apoio nas eleições do Pará

Elisa Vaz

O pré-candidato à Presidência da República Luiz Felipe D’Ávila (Novo) será entrevistado ao vivo pela equipe do Grupo Liberal nesta terça-feira (17), de maneira online. Conduzirão a conversa, marcada para as 12h, o radialista Abner Luiz, da Rádio Liberal FM, e o repórter de política Eduardo Laviano. Os demais pré-candidatos para o pleito deste ano já foram entrevistados.

A sabatina será veiculada na íntegra em OLiberal.com, nas redes sociais de @oliberal (Instagram, Facebook, Twitter, Getter) e no canal do Youtube de O Liberal. Os jornais impressos O Liberal e Amazônia trarão os principais pontos da conversa, com QR Code e link para a íntegra, disponível na internet. A Rádio Liberal FM, que chega a todo Estado, transmitirá a entrevista na própria sexta-feira, dentro do programa Liberal Notícias.

Durante o encontro online, D’Ávila falará sobre o contexto político-institucional atual envolvendo a Presidência, o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Congresso Nacional, além da polarização entre os pré-candidatos Luiz Inácio Lula da Silva e Jair Bolsonaro, e a construção de uma terceira via para o país. Em coletiva de imprensa no dia do lançamento de sua pré-candidatura, no dia 2 de abril, ele já havia dito que se considera a terceira via dessas eleições e que tem o intuito de pacificar o país.

Mais tarde, no dia 27 do mês passado, D’Ávila declarou que a chamada terceira via foi “sequestrada pelo caciquismo político”, afirmando ainda que o Novo se retirou das conversas com MDB, União Brasil, PSDB e Cidadania por esse motivo. “A discussão foi capturada pelos caciques partidários, que não querem saber de discutir projeto de país. Eles estão preocupados em saber quantos deputados eles vão eleger”, declarou em entrevista à Folha de São Paulo.

Outros temas que serão abordados são as propostas de Felipe para a Amazônia e o apoio do político para as eleições estaduais no Pará. Se apresentando como uma opção de centro, o empresário defende, entre outras pautas, a abertura econômica do Brasil, para “vencer o populismo” e a “estagnação econômica”, em suas palavras. Ele também apoia uma “conciliação” do agronegócio com o meio ambiente, a descentralização do poder e o empoderamento do cidadão por meio da digitalização do governo.

O pré-candidato à Presidência pelo Novo concorre pela primeira vez. Aos 58 anos, Felipe D’Ávila é empresário, formado em ciência política pela Universidade Americana em Paris, na França, e possui mestrado em administração pública pela Harvard Kennedy School, nos Estados Unidos. Em 2008, fundou o Centro de Liderança Pública (CLP), uma organização sem fins lucrativos dedicada à formação de líderes políticos.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA