Eleições 2022: TRE inicia preparação de urnas para o 2º turno na Grande Belém

O procedimento de preparação segue até o dia 22 na Grande Belém. No interior do Pará, o preparo começa na terça (18)

O Liberal
fonte

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Pará iniciou, na manhã deste sábado (15), a preparação das urnas eletrônicas da Região Metropolitana de Belém que serão utilizadas na votação do 2º turno das Eleições 2022, marcado para 30 de outubro. Os equipamentos de duas zonas eleitorais foram escolhidos para marcarem o começo dos procedimentos preparatórios: os da 28ª, que conta com 278 urnas, e da 96ª, com 307 urnas. 

VEJA MAIS

image TRE-PA discute filas, falta de energia elétrica e atrasos na votação do primeiro turno das eleições
Problemas tratados em reunião com juízes eleitorais não devem se repetir no dia 30 de outubro

image Confira o calendário eleitoral a 16 dias do Segundo Turno
A partir deste sábado, nenhum candidato que participará do segundo turno de votação poderá ser detido ou preso, salvo em flagrante delito 

image Eleições 2022: TRE-PA reúne juízes eleitorais da Grande Belém em preparação para o 2º turno
Durante o encontro, o Tribunal vai reforçar as orientações gerais acerca do pleito e abordar temas com o objetivo de aprimorar o atendimento ao eleitor

Para a desembargadora presidente do Tribunal, Luzia Nadja Guimarães, o fato da cerimônia de preparação ser pública reforça a transparência e segurança do processo eleitoral.

“Esperamos eleições mais tranquilas, com menos espera, pois teremos apenas um candidato para votar. E conclamo o eleitorado a comparecer no dia 30. Vá votar. É importante. Nas outras eleições, vimos que o número de abstenções amplia no primeiro turno. Lembre-se que seu voto tem poder”, afirmou a presidente do TRE-PA.

image A desembargadora presidente do TRE-PA, Luzia Nadja Guimarães, comenta que espera um segundo turno mais rápido e tranquilo (Eduardo Laviano / O Liberal)

A preparação segue até dia 22 na região metropolitana de Belém, compreendendo desde testes de segurança até geração de mídias. No interior do estado, a preparação será realizada no período de 18 a 21 de outubro.

As urnas eletrônicas são carregadas com os dados do eleitorado no depósito de urnas do TRE, em Ananindeua, além dos dados dos candidatos que concorrem ao cargo de presidente da República. As urnas serão então lacradas e ficarão no aguardo do transporte aos locais de votação.

Para o secretário de tecnologia e informação do Tribunal, Alessandro Cruz, lembra que cada cerimônia de preparação fica sob comando de cada zona eleitoral.

"Cada cartório eleitoral dispõe de equipe própria, além dos técnicos contratados para apoiar essa preparação no período eleitoral. Tivemos a substituição de algumas urnas no primeiro turno, mas tudo dentro da nossa margem prevista. O novo modelo, utilizado mais na região metropolitana de Belém e no nordeste paraense, mostrou um desempenho melhor que as urnas antigas. O índice de dificuldades na biometria foi bem menor. Na próxima eleição, esperamos ter todas as urnas já nesse novo modelo", disse. 

Segundo o TRE, o parque de urnas nesta eleição subiu de 21 mil para praticamente 24 mil urnas. Em outubro, quase 50% dos equipamentos utilizados nas sessões são de modelo novo.

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA