'Sanfoneiro' irá responder por falsidade ideológica

Ele também é acusado de tráfico e do assassinato do cardiologista Nahmias, em 2009

Redação Integrada

A Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) prendeu, na segunda-feira (02), em Santa Maria do Pará, Sandro Rodrigo dos Passos, o "Sanfoneiro". Ele, segundo a Polícia Civil, é acusado de transportar substâncias entorpecentes para a região nordeste do Estado.

Policiais da Denarc, após denúncias, foram até o posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Santa Maria para realizar abordagens a veículos, na tentativa de encontrar o acusado. Chegando lá, a equipe conseguiu identificar, seguindo informações repassadas, o carro de Sandro, mas nenhuma substância foi encontrada.

Apesar disso, como estava foragido do sistema penal desde outubro de 2018, quando empreendeu fuga do Centro de Recuperação Penitenciário 1 (CRPP 1), Sandro apresentou um documento falso, em nome de Rafael dos Santos Machado, na tentativa de não ser reconhecido e preso. Entretanto, como a equipe já tinha levantado previamente informações sobre o acusado, ele foi conduzido à Denarc, onde recebeu mandado de prisão/recaptura e foi autuado por falsidade ideológica.

Sandro ainda responde pelo latrocínio do médico cardiologista Salvador Nahmias, assassinado em dezembro de 2008 no bairro do Comércio, em Belém.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM POLÍCIA