Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Homem é executado em Ananindeua com um tiro certeiro na cabeça

Caso ocorreu na madrugada desta quarta (17). Vítima era monitorada com tornozeleira eletrônica

Redação Integrada

Um homem, identificado apenas pelo prenome Júnior, foi assassinado com um tiro na madrugada desta quarta-feira (17), no bairro Jiboia Branca, em Ananindeua. Ainda não há mais informações sobre a motivação do crime mas, segundo a Polícia Militar, as características são de uma execução.

A polícia foi acionada para verificar o homicídio no início da manhã, às 6h, na passagem Santa Luzia, entre a passagem Jiboia Branca e a Estrada do Ariri. No entanto, técnicos do Centro de Perícias Científicas (CPC) Renato Chaves informaram que o homem foi morto ainda na madrugada, por volta das 3h. Ainda não se sabe por que os moradores demoraram tanto para informar as autoridades sobre o caso.

Entre a vizinhança, poucos quiseram dar informações acerca do que ocorreu. Uma pessoa afirmou que, durante a madrugada, chegou a escutar um tiro e, logo depois, o barulho do arranque de uma motocicleta. Outro morador informou que a vítima não era da região. "Ele não morava aqui. Ninguém conhecia ele", disse.

A polícia informou, ainda, que o homem usava uma tornozeleira eletrônica quando foi morto. A perícia criminal foi acionada e, por volta das 8h30, fez a remoção do corpo do local. Segundo o perito, a vítima foi alvejada com apenas um tiro, na cabeça, sem chance de defesa.

Após cometer o crime, o autor fugiu do local. Quaisquer informações que possam ajudar na identificação e localização do(s) suspeito(s) podem e devem ser repassadas às autoridades policiais pelo Disque-Denúncia (181) ou Centro Integrado de Operações (190). Não é necessário se identificar e a ligação é gratuita.

A redação integrada de O Liberal também recebe a qualquer momento informações de ocorrências como incêndios, homicídios e acidentes graves, via texto, áudio, foto e vídeo pelo WhatsApp: basta contactar no número (91) 98568-2542.

Palavras-chave

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA