Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Empresário é morto a facadas durante suposta briga de trânsito em Redenção

Assassino segue foragido; diligências policiais estão em andamento no sentido de esclarecer o crime

O Liberal

O empresário José Luiz Neto, conhecido como Neto ou “Marido de aluguel”, de 41 anos, foi esfaqueado e morreu dentro do próprio carro, durante uma suposta briga de trânsito, na avenida Santa Tereza, em Redenção, região sul do Estado. O fato ocorreu na noite da última sexta-feira (14). “Marido de aluguel” é o nome da empresa da vítima, que realizava diversos serviços como encanador, eletricista, pintor, dentre outros. As informações são do Correio de Carajás.

Segundo a Polícia Militar, Neto foi encontrado morto dentro do veículo, um Prisma, cor vermelha, com perfurações de arma branca no corpo. Imagens de câmeras de vigilância revelaram o momento em que ele freia o carro, abre a porta e tenta sair, porém o veículo é empurrado por uma caminhonete branca até perto da extremidade da quadra. Policiais civis e militares realizaram buscas no setor no intuito de localizar o autor do delito, que segue foragido.

Uma equipe da Polícia Civil, composta pelo delegado Lincoln César e investigadores, esteve no local do crime e durante as diligências iniciais foi encontrada dentro do veículo uma faca com manchas de sangue, possivelmente a mesma utilizada no cometimento do crime. Segundo a PC, a suposta motivação do crime seria uma discussão no trânsito, conforme relatos de testemunhas, porém outras hipóteses ainda não estão descartadas.

Em comunicado à imprensa, a Superintendência Regional da Polícia Civil no Araguaia Paraense, com sede em Redenção, informou que as diligências policiais estão em andamento no sentido de esclarecer o crime. “A Polícia Civil e o setor de inteligência estão em trabalho de campo para identificação e esclarecer a dinâmica dos fatos ocorridos e consequente responsabilização criminal do autor do delito”, diz trecho da nota.

Informações que possam auxiliar nas investigações sobre o crime podem ser repassadas às autoridades pelo disque-denúncia, por meio do 181. A ligação é gratuita, com anonimato garantido.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA