Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Crimes violentos reduziram em 10% no Pará em 2022, diz Segup

No primeiro quadrimestre do ano, foram registrados 704 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). Já no mesmo período do ano passado, foram 780 casos.

O Liberal

Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), que reúnem casos de homicídio, latrocínio e lesão corporal seguida de morte, reduziram em 10% no Pará, no primeiro quadrimestre de 2022. Neste ano, foram 704 crimes registrados neste período, já em 2021 foram 780, representando a preservação de 76 vidas. Os dados são analisados e consolidados pela Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac), vinculada à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup). 

"Ressaltamos que estamos no quarto ano seguido de redução da criminalidade, e isso demonstra a integração das forças e uma política que funciona na Região Metropolitana e também no interior do Pará,  a qual está surtindo efeitos e garantindo mais segurança para a nossa população", disse o Secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado.

Mês de Abril 

Em abril, foram registrados 4.395 casos de roubo no Pará, o que representa uma diminuição de 20%, com 1.102 ocorrências a menos. Em comparação ao ano de 2018, houve 50% de redução, já que, na época, houve 8.852 registros de roubos. No ano passado, foram registrados 5.507 casos. Em 2020, foram 3.553 casos e, em 2019, 6.834.

Ainda de acordo com os dados publicados pela Segup, os casos de roubo a transeunte diminuíram 31%, com 4.139 registros em 2021 e, neste ano, 2.856, apontando uma diferença no número absoluto de 1.283 roubos a transeuntes a menos, no Pará.

Acumulado

No acumulado do quadrimestre, de 01 de Janeiro a 30 de abril os crimes de roubo também apresentaram redução de 14,58%, se comparados os anos de 2021 e 2022, que computaram 22.535 e 19.249 casos, respectivamente. Se comparado ao ano de 2018, a queda foi de 50,77% quando foram contabilizados 39.101 casos de roubo. 

O roubo de veículos apresentou redução de 14% ao computar 681 ocorrências, em relação ao mesmo período do ano passado quando foram computadas 792. Já em relação a 2018, a queda foi de 74%, quando foram contabilizados 2.675 casos.

“Estamos contabilizando a constante redução desde o mês de janeiro deste ano, tanto nos crimes violentos quanto no número de roubos em todo o estado, seja a transeuntes ou de veículos, o que demonstra a assertiva da estratégia montada, da integração dos órgãos de segurança a utilização da inteligência de operações integradas”, destacou Ualame Machado.

Mais de 30 dias sem crimes violentos em 74 municípios

Em paralelo as reduções apresentadas nos quatro primeiros meses do ano, 74 de 144 municípios paraenses estão há mais de 30 dias sem registros de crimes violentos, segundo a Segup.

O município de Bannach, no sudeste paraense está há 646 dias sem registrar nenhum crime violento, tendo registrado a última ocorrência em 24 de julho de 2020. Outras quatro cidades também não registram CVLI há mais de um ano, como: São João da Ponta (572 dias), Faro (455), Ponta de Pedras (435) e Vitória do Xingu (426). 

Palavras-chave

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍCIA

MAIS LIDAS EM POLÍCIA