Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Viagra pode ser candidato a prevenir mal de Alzheimer, diz pesquisa

Simulações de computador indicam bom potencial no princípio ativo do medicamento

O Liberal

Um grupo de cientistas descobriu que o sildenafil, princípio ativo do Viagra, tem uma chance razoável de ajudar a prevenir o mal de Alzheimer. A pesquisa foi publicada nesta segunda-feira (6) em um estudo da revista Nature Ageing. As informações são do portal O Globo. 

A pesquisa foi liderada pela Clínica Cleveland, de Ohio (EUA), e detalha como os cientistas chegaram à indicação do Viagra como droga candidata para prevenção do Alzheimer. Segundo o artigo, foram usadas estratégias computacionais para simular os mecanismos bioquímicos por trás da doença, usando "módulos endofenotípicos", ou modelos que simulam interações entre proteínas baseadas na estrutura molecular delas. A pesquisa simulou mais de 350 mil interações entre proteínas.

Os cientistas afirmam que testes planejados para isso podem confirmar se a descoberta pode mesmo representar um potencial tratamento.
"A associação entre o uso do sildenafil e a diminuição da incidência da doença de Alzheimer não estabelece uma causalidade, e isso vai requerer um teste clínico controlado", dizem Fang e seus coautores.

Os pesquisadores pedem que a ideia seja levada adiante com cautela, pois a correlação vista no estudo ainda não é resultado de um teste clínico com aplicação direta da droga em voluntários.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO