Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Padre é suspeito de roubar R$ 620 mil para bancar festas com drogas e orgias com homens

Ocasionalmente, as festas semanais envolviam grupos bem maiores, com até 20 ou 30 pessoas

O Liberal

Um padre foi preso suspeito de roubar cerca de R$ 620 mil dos fundos da igreja para bancar festas de sexo gay em sua casa. Francesco Spagnesi, de 40 anos, está em prisão domiciliar por suspeita de roubo. Ele mora em Prato, perto de Florença, na Itália. As informações são dos jornais Daily Mail e The Times.

A polícia vem coletando depoimentos de centenas de pessoas que supostamente participaram de suas orgias regadas a drogas, que aconteceram nos últimos dois anos. O padre foi ordenado em 2007 e nomeado pároco em 2009.

As festas geralmente envolviam o padre, seu colega de apartamento – que era traficante de drogas – e ao menos uma outra pessoa. Esse terceiro homem era encontrado em sites de namoro gays, de acordo com os investigadores.

No entanto, ocasionalmente, as festas semanais envolviam grupos bem maiores, com até 20 ou 30 pessoas.

O padre começou a ser investigado após a polícia descobrir que o colega de quarto de Spagnesi havia importado um litro de GHB da Holanda. A droga é frequentemente chamada de “droga de estupro”, por ser usada para incapacitar vítimas de violência sexual.

No apartamento da dupla foram encontradas garrafas adaptadas para funcionarem como cachimbos de crack.

Roubo da paróquia

Nos últimos meses, um contador da paróquia onde Spagnesi era lotado descobriu que cerca de R$ 620 mil foram retirados da conta bancária da igreja. A polícia suspeita que o dinheiro tenha sido usado pelo padre para comprar drogas.

O bispo local interrompeu o acesso aos fundos, o que teria levado o pároco a supostamente começar a embolsar dinheiro coletado na da igreja. Ele teria, ainda solicitado fundos de fiéis ricos, afirmando que iriam para famílias de baixa renda. Alguns paroquianos fizeram doações individuais de R$ 10 mil.

A mídia local informou que os paroquianos começaram uma ação legal para obter seu dinheiro de volta depois de saberem da prisão de Spagnesi.

O advogado do padre afirmou à imprensa que seu cliente confessou o fornecimento de drogas nas festas e que confessaria ter roubado fundos da igreja.

Palavras-chave

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO