Japão aprova pacote de estímulo equivalente a US$ 121 bilhões

Estadão Conteúdo

O gabinete do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, aprovou um pacote de estímulo de 13,2 trilhões de ienes (US$ 121 bilhões) nesta quinta-feira, em resposta a riscos econômicos globais e preocupações com o impacto de um aumento do imposto de vendas local, que entrou em vigor em outubro.

O programa prevê gastos por meio de um orçamento adicional previsto para o atual ano fiscal, que termina em março de 2020, e através do orçamento regular do próximo ano fiscal.

Segundo autoridade do gabinete, o principal objetivo do pacote é lidar com riscos negativos ligados a economias externas. A disputa comercial entre EUA e China tem prejudicado as exportações japonesas para a China.

O pacote inclui 5,8 trilhões de ienes para projetos de recuperação de desastres naturais e de construção de infraestrutura mais resistente.

O governo japonês também ampliará gastos para fornecer aparelhos digitais nas escolas e financiar esquema de premiação para compradores que fazem pagamentos com métodos que não envolvam dinheiro em espécie, como cartões de crédito. Fonte: Dow Jones Newswires.
 

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!