Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Goleira realiza exames ginecológicos e recebe diagnóstico de 'doença homossexual'

Atleta aproveitou os exames para questionar a irregularidade do seu ciclo menstrual e se abrir sobre sua orientação sexual

O Liberal

Na segunda-feira (4), durante exames ginecológicos de rotina, a goleira Alba Aragón, do time CAP Ciudad de Murcia da Espanha, recebeu um diagnóstico para lá de inusitado, que constatava que ela tinha 'doença homossexual'. As informações são do Metrópoles.

Na consulta no Hospital Reina Sofía, Alba reclamou da irregularidade do seu ciclo menstrual e aproveitou a ocasião para se abrir com o médico sobre sua orientação sexual. Ela permitiu que esse detalhe estivesse na sua ficha, porém, não sabia que iria para o espaço de doenças. “Contei que era homossexual porque achei que pudesse ser relevante para os exames que iria fazer. Eu gosto de mulheres desde os 15 anos e não tenho vergonha de dizer. O que eu não esperava é que aparecesse no relatório literalmente como uma doença”, revelou.

Ao receber o laudo, a atleta retornou ao hospital para questionar o ocorrido e foi informada que outras reclamações já foram feitas contra esse profissional em questão. O Serviço de Saúde pediu desculpas pela situação e alegou ter sido um 'erro de computador', onde o médico registrou a orientação sexual de Alba no local errado. O CAP Ciudad de Murcia prestou apoio a goleira. "Exigimos que as responsabilidades sejam esclarecidas e apoiamos incondicionalmente a jogadora em sua corajosa reclamação”.

 

Palavras-chave

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM MUNDO

MAIS LIDAS EM MUNDO