Os gamers brasileiros estão jogando muito mais durante a pandemia

Cássio Soares

A 8ª edição da Pesquisa Game Brasil (PGB), revelou como o isolamento social, provocado pela pandemia de COVID-19 impactou o consumo de jogos eletrônicos no país: de acordo com a pesquisa, 75,8% dos gamers brasileiros afirmam jogar mais durante o período. 

Fruto de uma parceria entre Sioux Group, Go Gamers, Blend New Research e ESPM, a PGB 2021 ouviu 12.498 pessoas em 26 estados e no Distrito Federal. As entrevistas foram realizadas entre os dias 7 e 22 de fevereiro deste ano.   

De acordo com o estudo, 72% da população do país afirma jogar jogos eletrônicos. A situação imposta pela pandemia fez com 51,5% dos jogadores realizassem mais sessões de partidas online com amigos. “Além disso, 60,9% do público afirma ter consumido mais conteúdo relacionados a jogos, e 42,2% disseram ter investido mais dinheiro em jogos durante o período de isolamento social", destaca Guilherme Camargo, sócio-CEO do Sioux Group e professor na pós-graduação da faculdade ESPM.

 (Divulgação)“À medida que passamos a ficar mais tempo em casa, o hábito de jogar se tornou mais recorrente e ganhou ainda mais espaço em nosso dia a dia. O distanciamento social se reflete no aumento de interesse em torno da experiência de jogar online, já que foi uma das poucas opções viáveis em tempos de confinamento”, conclui Carlos Silva, Head de Gaming na GoGamers.

GG:

O Flamengo confirmou o cyber atleta, Thúlio "Sir Thulio" como técnico da divisão de League of Legends Wild Rift. Thúlio já tem história com o rubro-negro desde 2017, quando estreou como o primeiro jogador de League of Legends, logo no início das atividades no cenário competitivo nacional.

GabrielPN será o novo representante da eSeleção Brasileira na competição CBF eTrophy de Xbox One. O jogador carioca superou o favorito Pedro Resende, líder do ranking sul-americano no Xbox e campeão da eLibertadores.

FRAG:

O jogador Rubén Zerecero, vice-campeão mundial de FIFA em 2009 e Christian Nieva, gerente de campanhas da Electronic Arts (EA), foram presos nesta última semana na Cidade do México após fraudarem suas identidades e se disfarçarem de idosos para conseguir a vacina contra o novo Coronavírus. A dupla chegou a receber os imunizantes, entretanto um fiscal suspeitou da fraude e imediatamente acionou as autoridades policiais. 

E-Sports
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM E-SPORTS