Remo e Paysandu realizam ações com jogadores e funcionários para evitar contágio do coronavírus

Médicos comentaram sobre as ações de prevenção do novo mal que assola o mundo

Fabio Will

O futebol paraense vive um momento tenso devido ao coronavírus. As diretorias do Remo e do Paysandu estão preocupadas com a pandemia do Covid-19 e realizam ações para que os jogadores e funcionários não sejam infectados.

Os dois maiores clubes do Estado buscam minimizar os riscos de contaminação. O Paysandu já suspendeu as atividades das categorias de base, além da seletiva e dos treinos do futebol feminino por 20 dias. A equipe profissional recebeu orientações de prevenção do médico Marcelo Gaby, que faz parte da diretoria de saúde do clube.

De acordo com o médico, uma palestra foi feita mostrando o que é preciso ser evitado e pontuou locais mais propício ao contágio do coronavírus. “Evitar aglomeração, locais lotados, como shoppings, porque a gente não sabe de onde as pessoas estão vindo. Vamos aumentar a distribuição de álcool em gel nas dependências do clube. Já temos o produto no vestiário, no refeitório, no auditório e na recepção do hotel, mas agora vamos dobrar a quantidade. Todos nós precisamos reforçar a higiene pessoal. A prevenção é feita através da diminuição do contato, higiene excessiva das mãos, lavar as mãos o tempo todo. Álcool em gel, evitar coçar os olhos, nariz e boca”, disse.

Do lado azulino da Avenida Almirante Barroso, o trabalho de conscientização está sendo realizado e abrange jogadores e funcionários. O clube fará uma palestra com um infectologista nesta semana e exaustores estão sendo instalados em áreas em algumas áreas de convivência do Baenão. A informação foi confirmada pelo médico do clube, Jean Klay.

“Estamos seguindo as orientações do Ministério da Saúde. Estamos instalando hoje nas áreas comuns dos jogadores e funcionários, sistema de exaustores para que melhore a ventilação e durante essa semana levaremos um infectologista para esclarecer todas as dúvidas. Esse trabalho de prevenção segue as orientações das autoridades. Como não temos ainda nenhum caso confirmado em Belém, orientamos de higiene das mãos, evitar aglomerações, utilizar o álcool em gel sem nenhuma outra grande medida”, comentou.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES