TRE-PA realiza teste de integridade em 15 urnas eletrônicas no Mangueirinho

Auditagem começou de manhã, com dezenas de pessoas envolvidas no trabalho

Fabyo Cruz
fonte

Quinze urnas eletrônicas estão sendo auditadas, neste domingo (2), na Arena Guilherme Paraense, o Mangueirinho, por meio do teste de integridade realizado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA). Foram sorteadas 27 seções eleitorais para a realização do exame nos aparelhos. Dez estão sendo auditadas em Marabã e 17 na capital paraense.

“Aproximadamente 150 pessoas estão trabalhando aqui no Mangueirinho, desde às 6h, para fazer esse teste que começou de fato às 9h. Nós tivemos um pouco de atraso, era para começar às 8h, igual na votação geral. Portanto, vamos encerrar às 17h os testes”, disse durante a verificação o juiz eleitoral Marcus Alan Gomes, presidente da Comissão da Auditoria de Votação Eleitoral (Cave).

Segundo o juiz eleitoral, o processo de auditoria tem como finalidade atestar o bom funcionamento da urna eletrônica. “Ou seja, demonstrar que quando o eleitor vota, aquele voto é registrado, computado, esse voto vai ser totalizado. Isso ocorre mediante um procedimento de simulação de uma votação, em que nós, na véspera de uma eleição, recolhemos urnas que são sorteadas, que já estavam prontas inclusive para ir às seções eleitorais, e trazemos para um local previamente estabelecido", explicou.

Um sistema informatizado desenvolvido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), chamado Sistema de Auditoria da Urna Eletrônica, é utilizado pelo TRE-PA ao longo do dia, com a introdução de votos na urna eletrônica e no sistema de computador. “Cada voto inserido no sistema também é inserido na urna. Isso é feito com o objetivo de reproduzir o mais próximo possível o funcionamento de uma seção eleitoral, diz o magistrado.      

“Ao final, às 17h, nós encerramos a votação, emitimos o boletim de urna, que é o que encerra o funcionamento daquela urna. Depois pegamos os dados daquela urna em um card, que é como se fosse um pendrive, colocamos no computador e o sistema vai ler os votos que foram inseridos e comparar com os votos do próprio sistema. A finalidade da auditoria é comprovar que os votos não podem ser transferidos de um candidato para outro”, completou.    

Duas urnas com biometria foram analisadas no Centro de Ciências e Planetário do Pará, na avenida Augusto Montenegro. Lá, a população pôde ter acesso aos testes para ver a checagem de perto. Todo o processo foi transmitido ao vivo pelo canal do TRE Pará no YouTube.

 

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Eleições
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS EM ELEIÇÕES

MAIS LIDAS EM ELEIÇÕES

1

Exclusivo

Eleições 2024: Conheça os oito pré-candidatos a prefeito em Belém

Em vídeos enviados com exclusividade ao Grupo Liberal, eles falam sobre suas prioridades para Belém.

2

POLÍTICA

Helder Barbalho se afasta do Governo do Estado e vice assume

Vice-governadora Hana Ghassan assume o cargo na ausência do governador

3

ELEIÇÕES 2024

Conheça os pré-candidatos a prefeituras do interior do Pará

Partidos oficializaram nomes de pré-candidatos à disputa do Executivo municipal

4

CENÁRIO POLÍTICO

Eleições 2024: saiba quem são os pré-candidatos a prefeitos das principais capitais brasileiras

Além das capitais dos três maiores colégios eleitorais do país, Porto Alegre também se destaca devido à tragédia climática ocorrida entre abril e maio deste ano