Reajuste da mensalidade escolar será discutida por órgãos de defesa do consumidor

Procon Pará, Dieese, MPPA, Defensoria Pública e OAB/PA reúnem nesta terça-feira (3) com objetivo de coibir abusos

Redação Integrada

Com a aproximação do início do ano letivo 2020, será realizada nesta terça-feira (3) uma reunião com o objetivo de coibir abusos nas mensalidades escolares do próximo ano.

A proposta é resguardar os pais que tem alunos matriculados em instituições de ensino particulares para evitar possíveis reajustes abusivos das mensalidades que serão cobradas em 2020.

O momento contará com a presença da Associação dos Pais e Alunos, Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), Ministério Público do Estado do Pará, Defensoria Pública do Estado do Pará e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PA).

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!