Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Pará precisa de 162 mil trabalhadores qualificados no setor industrial para suprir demanda até 2025

Os dados são do Mapa do Trabalho Industrial 2022-2025

O Liberal

O estado do Pará precisará qualificar 162,6 mil pessoas em ocupações industriais para suprir as demandas do mercado até 2025. De acordo com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), desse total, serão necessários 36,9 mil em formação inicial – para repor inativos e preencher novas vagas – e 125,7 mil em formação continuada, para trabalhadores que devem se atualizar.

Os dados e a avaliação fazem parte do Mapa do Trabalho Industrial 2022-2025, estudo realizado pelo Observatório Nacional da Indústria para identificar demandas futuras por mão de obra e orientar a formação profissional de base industrial no país e no Estado do Pará.

Na próxima segunda-feira (23), o diretor regional do SENAI Pará, Dário Lemos, vai divulgar os dados das áreas de produção industrial paraense mais demandadas pelo mercado e a demanda por formação (técnico, superior e qualificação profissional) prevista para os próximos anos.

Cursos

Conforme matéria publicada pelo jornal O Liberal no dia 8 de maio, a expectativa é de que até o final do sejam preenchidas 70 mil vagas em cursos profissionalizantes no setor industrial. Somente nos meses de janeiro e fevereiro, foram 760 alunos matriculados em 21 turmas oferecidas pelo SENAI.

VEJA MAIS

Pará tem 95 cursos profissionalizantes com inscrições abertas. Saiba como conseguir uma vaga
Senac espera preencher mais de 2.500 vagas até setembro

Na instituição, os cursos ofertados envolvem iniciação, qualificação profissional, aperfeiçoamento, aprendizagem industrial e habilitação técnica, abrangendo áreas como metalmecânica, elétrica, eletroeletrônica, construção civil, confecção, alimentos e bebidas, mecânica automotiva, operação de equipamentos móveis, gestão, informática, entre outros.

Para acompanhar o calendário de ofertas, tanto para cursos pagos como gratuitos, é necessário acessar o site www.senaipa.org.br ou buscar as unidades da instituição em Belém, Altamira, Barcarena, Bragança, Castanhal, Juruti, Marabá, Paragominas, Parauapebas, Santarém, São Miguel do Guamá e Canaã dos Carajás.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA