Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Escola de Eletricistas forma novos profissionais para o mercado paraense

O projeto é da Equatorial Energia em parceria com o Senai

O Liberal

Um programa de capacitação que visa a formação de novos eletricistas de redes de distribuição de energia elétrica foi lançado pela concessionária Equatorial Energia, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). A Escola de Eletricistas é direcionada a homens e mulheres, maiores de 18 anos, que possuam o diploma de conclusão do ensino fundamental e carteira de habilitação categoria B. As incrições iniciam nesta quarta-feira (11) e vão até quinta-feira (12). devem ser feitas pelo link https://forms.gle/s2Pd71JzcPrx3zdD8. Serão disponibilizadas 25 vagas em Belém.

A analista de Sustentabilidade da Equatorial Energia, Michelle Miranda, defende a importância desse tipo de iniciativa. “Em meio a um cenário desafiador a Equatorial Pará está oferecendo uma oportunidade à sociedade que busca recolocação e formação profissional, capacitando-os a participarem de processos seletivos e inseri-los com rapidez no mercado de trabalho”, explica.

O curso é gratuito, ministrado em parceria com o Senai, com carga horária de 40 horas semanais, totalizando 480 horas do curso profissionalizante e 112h de curso comportamental, voltado para a formação de Eletricistas de Rede de Distribuição de Energia Elétrica. "Além da capacitação profissional, a Escola também habilitará o aluno em todas as normas regulamentadoras necessárias para a entrada no mercado de trabalho", completa a Equatorial.

Ainda de acordo com  a concessionária, o profissional eletricista precisa se deslocar para atendimento das solicitações de serviços, para isso, o aluno da Escola de Eletricistas terá aulas de direção defensiva e condução de veículos com tração quatro por quatro. "Além de todo o conhecimento técnico necessário para a capacitação profissional, o programa também contempla cursos comportamentais que tem como principal objetivo apoiar os alunos no desenvolvimento de habilidades cognitivas como raciocínio lógico, comunicação, relacionamento interpessoal de estruturação do Projeto de Vida por meio da carreira na área de energia elétrica. Desta forma, amplia as oportunidades de empregabilidade dos participantes. O programa prevê ainda uma bolsa de incentivo aos alunos selecionados para o curso com o objetivo de auxiliar a subsistência do aluno durante o período de capacitação", conclui a Equatorial Pará.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA