Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Saiba o que não fazer e como se comportar em uma entrevista de emprego

Além de buscarem profissionais capacitados e proativos, as empresas procuram pessoas verdadeiras, que assumem suas conquistas e erros.

Cínthia Gatti

Quando um candidato passa pela triagem do Recurso Humanos-RH de uma empresa e é chamado para a entrevista, ele pode considerar que o recrutador encontrou algo nele, que chamou a atenção. A entrevista é a forma de validar o que o currículo diz a respeito de você. Por isso, mais do que nunca, é imprescindível que todos os dados do currículo sejam verídicos, caso contrário o processo de seleção pode parar por ali mesmo. Em entrevista ao portal O Liberal, a psicóloga e especialista em gestão de pessoas, Rebeca Lucas Barbosa dá algumas dicas sobre como se comportar em uma entrevista de trabalho.

De acordo com a especialista, é necessário antes de comparecer a uma entrevista, conhecer o perfil da empresa.

“O jeito com que o funcionário se veste ou fala, é a primeira impressão na hora da entrevista. Se o perfil de trabalho é uma organização mais despojada, o candidato pode se vestir mais à vontade. Porém, se é uma instituição formal, o candidato deve usar uma roupa mais apropriada”, completou a psicóloga.

É importante que o candidato responda diretamente às perguntas, sem fazer rodeios e apenas o que foi perguntado. Caso o entrevistador dê um pouco mais de espaço, como: “fale um pouco mais de você” ou “fale das suas experiências”, neste caso pode-se estender um pouco mais o diálogo, porém não se alongue. Não esqueça que você está sendo avaliado.

Muitas questões pessoais também podem ser abordadas durante a entrevista, questões como por exemplo: “o que você considera um defeito seu?”, “quais são as suas maiores qualidades”, “qual o seu hobby?”. Neste momento o recrutador quer conhecer quem é você, além do profissional que foi descrito no currículo. É importante que o candidato assuma quais são os seus defeitos, porém comedidamente. A empresa pode entender que você está em um processo de aprendizado. De acordo com a psicóloga, muitos candidatos pecam quando vão falar de fatores pessoais.

“Quando perguntam quais são suas qualidades, é preciso ter um grande cuidado pra não se enaltecer, e falar muito de si mesmo. Outro erro muito comum é quando perguntam: por que você saiu do último emprego? A maioria das pessoas responde que foi corte de funcionários. Na cabeça do recrutador, ele entende que quando há um corte de custo, quem vai embora é sempre aquele que vai fazer menos falta na empresa”, completa.

As empresas estão se tornando cada vez mais humanizadas. Além de buscarem profissionais capacitados e proativos, procuram pessoas verdadeiras, que assumem suas conquistas e erros. Pessoas dedicadas e que também reconheçam o seu valor, o momento de descanso e a qualidade de trabalho e de vida.

Outa dúvida muito comum é com relação ao resultado da entrevista. Algumas empresas não tem por hábito, entregar o “feddback” para os candidatos. Neste caso, o interessado pode entrar em contato com a empresa para saber o resultado da entrevista.

Além de todas essas dicas e orientações, é necessário para o profissional que deseja uma vaga no mercado de trabalho, estar sempre atualizado, seja em sua área profissional, ou em questões sociais e políticas que estejam em destaques na mídia.

 

 

ERROS DURANTE A ENTREVISTA:

 

- A primeira impressão: Conheça a empresa. Vista e fale de acordo com o perfil da empresa.

- Chegue sempre pelo menos 15 minutos antes da entrevista. Demostra interesse e responsabilidade.

- Seja coerente e confirme tudo que você colocou no currículo.

- Responda somente as perguntas feitas. Seja conciso, breve e objetivo. Estenda a conversa somente se o entrevistador pedir.

- Nunca diga: Não lembro de nenhum defeito meu. Entenda, não há ninguém perfeito.

- Não fale demais sobre você mesmo ou de suas qualidades. Mostre objetivos alcançados em outras empresas.

- Não tente responder o que o entrevistado quer ouvir. Se venda de uma forma verdadeira, fale sobre como você pode contribuir para com a empresa, seja realista. Lembre-se que se for contratado, existem três meses de experiência que vão comprovar ou não o que você disse na entrevista.

 

Concurso e Emprego
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS CONCURSO E EMPREGO