Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Cortejo marca lançamento de coleção de moda em Ajuruteua, na cidade de Bragança

A artista visual Roberta Mártires criou uma coleção de crochê autoral chamada “Marias do Mar” que será apresentada nas comemorações do aniversário de Bragança

Thainá Dias

Aproveitando a semana comemorativa dos 409 anos da cidade de Bragança, carinhosamente conhecida como Pérola do Caeté, a artista visual Roberta Mártires, da marca Multifário, criou uma coleção de crochê autoral chamada “Marias do Mar”. A coleção da artista é inspirada no multicolorido da América Latina. E será lançada no sábado (09), através de um cortejo de mulheres que sairá do Centro Cultural Cineclube Casa do Professor e percorrerá as ruas e areias da praia de Ajuruteua até o chamado “Campo do Meio”, a partir das 16h.

Segundo a artista, “as pessoas não costumam ver o crochê como arte, mas ele pode ser colocado dentro desse espaço a partir do momento que você cria coisas novas utilizando essa técnica. O crochê criativo ele vem com esse intuito, então é muito importante você passar esse conhecimento para as pessoas e contribuir para uma arte mais crítica, que saia do meio comum e que busque sempre o novo, através do trabalho manual. Com o crochê a gente trabalha a memória, a coordenação, a paciência. Eu costumo dizer que é uma espécie de terapia, além de ser uma importante fonte de renda”, destacou.

Através de formas não lineares, a artista visual cria movimentos nas peças, que remetem à leveza das espécies marinhas, aos deslocamentos dos grãos e dos ventos. Com dez anos de experiência com crochê autoral, Roberta desenvolveu estudos e técnicas, com pontos, alguns similares aos de rede de pesca.

“A coleção ‘Marias do Mar’ veio reforçar as cores da América Latina, reforçar a força da mulher que está dentro de casa produzindo além de brincar com as formas do mar, das arvores, dos mangues. É uma homenagem a minha mãe, filha, avó e a todas as ‘Marias’ aqui da nossa cidade. Todas nós temos uma relação com a água muito forte na nossa região”, concluiu a artista.

Na mesma ocasião, também haverá o projeto “ALB vai à praia”, que é um alerta em defesa da natureza e da melhoria da qualidade de vida, com foco em ações educativas e ecológicas, através de oficinas para crianças e jovens, mutirões de limpeza, conversas pedagógicas com moradores e visitantes, e implantação de lixeiras em Ajuruteua.

Palavras-chave

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA