Carlos Ferreira

Jornalista, radialista e sociólogo. Começou a carreira em Castanhal (PA), em 1981, e fluiu para Belém no rádio, impresso e televisão, sempre na área esportiva. É autor do livro "Pisando na Bola", obra de irreverências casuais do jornalismo. Ganhador do prêmio Bola de Ouro (2004) pelo destaque no jornalismo esportivo brasileiro.

Após fechar com meia, Remo 'engatilha' contratação de mais dois atacantes

Carlos Ferreira

Remo contrata meia e "engatilha" dois atacantes

Por enquanto, o Remo não vai anunciar, mas fechou negócio com o meia Robinho, 25 anos, que vem emprestado pelo Operário/PR. Dois atacantes de área estão
"engatilhados". Um é bem conhecido e acertou as bases salariais, mas ainda não confirmou a vinda. O outro, em início de carreira, está nos detalhes finais da negociação. Ambos são atletas na faixa de 22 a 25 anos, apontados pelo técnico Rafael Jaques, que não abre mão de jogadores vigorosos para o ataque, capazes de fazer a primeira marcação com intensidade.

Esse critério de Rafael Jaques e a questão financeira determinaram o "não" do Remo ao centroavante Wállace Pernambucano, ex-Náutico. Tão logo o nome do atleta ganhou destaque na mídia como possível contratação azulina, ontem, o clube tratou de descartá-lo.

 

Ranking deve mesmo incluir o Papão na Copa do Brasil

Quarto colocado do campeonato estadual e vice da Copa Verde, o Paysandu não conseguiu acesso à próxima Copa do Brasil pelas duas primeiras vias. Mas deve obter vaga na atualização do ranking da CBF, na segunda semana de dezembro. 27º colocado no ranking atual, o Papão só não vai sentir impacto na perda de posições, pela queda à Série C, graças ao atenuante dos 1.000 pontos somados na Copa do Brasil deste ano, quando entrou na quinta fase, como campeão da Copa Verde. Isso deve ser determinante para a conquista de uma das dez vagas preenchidas através do ranking.

Feita a atualização, para efeito de Copa do Brasil a CBF vai substituindo clubes que entrariam pelo ranking, mas conquistaram vaga por outras vias. É nesse processo que deve ocorrer a esperada inclusão do Paysandu.

 

BAIXINHAS

* O Pará já tem três clubes garantidos na Copa do Brasil 2020: Remo, Independente e Bragantino, os três primeiros do campeonato estadual. O Papão deve ser o quarto representante. Este ano a cota de participação na primeira fase foi de R$ 525 mil reais. O Bragantino disputou três fases e ganhou R$ 2,6 milhões, além de bilheteria.

* São oito os clubes paraenses que aparecem no atual Ranking Nacional: Paysandu 27º, Remo 54º, São Raimundo 93º, Independente 110º, Águia 116º, São Francisco 120º,  Parauapebas 200º e Paragominas 218º. O Bragantino não aparece desta vez, mas estará rankiado na próxima atualização.

* Conselho Técnico deve confirmar hoje o Parazão 2020 com todos contra todos na primeira fase, em jogos somente de ida. Classificação dos quatro primeiros para a semifinal, em ida e volta. Decisão também em dois jogos. Remo e Paysandu propõem a obrigatoriedade de atletas sub 23 compondo um terço dos relacionados para cada jogo. 

* Tony fez 30 jogos em sete meses no Paysandu, sempre numa regularidade mediana. Nunca brilhou nem comprometeu. Assim, dando pro gasto, o lateral ganhou novo contrato com o Papão.

* O Remo já confirmou as contratações do meia Lukinha, do volante Xaves e do lateral Dudu Mandai. Fechou com o meia Robinho, do Operário-PR, e está contratando outros dois volantes, mais um meia e três atacantes, sendo um de beirada e dois de área.

Carlos Ferreira
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM COLUNAS E BLOGS