CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

ABNER LUIZ

ABNER LUIZ

Jornalista e publicitário, com 23 anos atuando no jornalismo paraense. Com 46 anos de idade, é ex-jogador de futebol, com coberturas jornalísticas no Brasil e exterior, como nas copas do mundo da Alemanha, Brasil e Catar. Atualmente apresenta o programa Liberal Notícias na Rádio Liberal FM.

Um Paysandu inspirado em Campinas

Abner Luiz
fonte

Depois dos 6 a 0 que ninguém esperava contra o Vila Nova, pela Copa Verde, o Paysandu precisa mudar a imagem criada na Série B até aqui. Hoje, em Campinas, acredita-se que, com o time mais leve, o peso de ainda não ter vencido na Série B e a zona de rebaixamento fiquem para trás e a vitória venha. Um time já definido como titular, o Hélio dos Anjos já conseguiu ter e como correção só falta, agora, se defender melhor e não ter que contar com a incompetência do adversário em marcar gols. O Guarani está com o peso do torcedor, com as organizadas indo ao treino, cobrando na cara da comissão e atletas. Um jogo sob pressão!

Um Remo desacreditado

O Remo encara o Náutico hoje em Recife, totalmente desacreditado, já contando com o seu novo treinador, que desagradou muita gente pela escolha que causou surpresa. Como não conseguiu até o momento esse ano surpreender positivamente ninguém, será surpresa, sim, o Remo trazer ponto. O quesito novidade, com a chegada do treinador, talvez não funcione, já que dentro de campo serão os mesmos jogadores. Se com o ex-treinador treinando a semana inteira o time não demonstrava qualidade alguma, imagina sem treinador e jogando fora de casa? Mas o futebol guarda umas surpresas. Quem sabe!

Vergonha desnecessária

Até o Papa, no Vaticano, sabe que quando uma equipe pequena vai, dentro de um estádio referência, enfrentar o São Paulo, que os jogadores estão realizando um sonho e a marca e imagem do time serão expostas para o mundo. Pois é, a direção do Águia não sabia disso e não sabia também que, no mínimo, seus jogadores gostariam de trocar camisa e guardar de lembrança. A recusa do jogador do Águia em fazer a troca, alegando que o time não tinha material reserva, pois iria jogar já no sábado, foi algo vexatório. Ser pequeno em comparação ao São Paulo não tem nada demais, mas se apequenar desse tamanho é puro amadorismo mesmo.

Apito final.

Agora vamos esperar que durante a semana o Clube do Remo anuncie contratações para ajudar o novo treinador a não passar também vergonha em Belém. É o mínimo que a direção precisa fazer. Tonhão já sabe que fez escolhas terríveis no futebol.

Lembrando que toda condição foi dada pelo presidente Tonhão ao departamento de futebol. Jamais faltou alguma coisa para que o Papellin fizesse o seu trabalho. Mas as escolhas erradas já começam a comprometer financeiramente o futebol do clube.

O presidente Maurício Ettinger, do Paysandu, disse na Rádio Liberal + que o trabalho do Hélio dos Anjos não tem número de rodadas para ser avaliado. Que não serão dez rodadas e nem mais, nem menos, que será feita cobrança ao treinador. Bem, já se foram 6 rodadas.

Ribamar ficou em Belém e o Remo com esse abacaxi para descascar. Será que o treinador vai pedir para avaliar o atleta, que é muito querido dentro do Baenão? Não duvido que a diretoria deixaria isso ocorrer. A conta das dispensas já está bem alta.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Abner Luiz
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM ABNER LUIZ