Preso homem que dopava e abusava de vítimas

Acusado de aplicar o golpe ‘Boa noite, Cinderela’, João Batista Alves Bispo já foi indiciado por latrocínio, estupro e roubo

Redação Integrada com informações do Metrópoles
fonte

Foi preso na manhã desta quarta-feira, 7, pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), o homem acusado de latrocínio, roubo e estupro de vulnerável. A polícia afirma que João Batista Alves Bispo dopava homens no Parque da Cidade e, após o golpe conhecido como “Boa noite, Cinderela”, abusava sexualmente das vítimas.

A prisão foi efetuada na casa do autor, em Planaltina, em cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido pela 5ª Vara Criminal de Brasília. Investigadores da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) relatam que, após o estupro, o acusado ainda subtraía pertences dos homens, como celular, carteira e dinheiro. Até o momento, os policiais têm conhecimento de três vítimas do golpe.

João Batista era cozinheiro em um restaurante na Asa Sul. Ele foi indiciado em dois inquéritos, por latrocínio, estupro e roubo. Latrocínio porque uma das vítimas morreu por overdose da medicação ministrada por João.

Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL