Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Morre veterinária que comeu peixe e adquiriu 'doença da urina preta'

A vítima ficou 12 dias internada na UTI

Redação Integrada com informações do UOL

A veterinária Pryscila Andrade, de 31 anos, que foi internada com Síndrome de Haff, conhecida popularmente como 'doença da urina preta', após comer um peixe, morreu nesta terça-feira (2) depois de ficar internada na UTI por 12 dias. A confirmação do falecimento foi dada pela mãe da vítima. 

Pryscila e a irmã Flávia Andrade, 36, comeram um peixe do tipo Arabaiana e foram internadas poucos dias depois. O animal, segundo as secretarias de saúde do Recife e de Pernambuco, estava infectado. Flávia conseguiu reagir melhor à doença e recebeu alta no último dia 24. Pryscila, entretanto, que comeu uma porção maior do peixe, não resistiu e morreu. 

Cinco casos da mesma doença são investigados pelas secretarias de saúde do Estado.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL