Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

'Loba do Tinder' é presa após dar golpe em 100 'crushes' de vários estados

Polícia investiga envolvimento da mulher até com políticos de Brasília

Redação Integrada, com informações do R7

Patrícia Coutinho, de 31 anos, conhecida como "Loba do Tinder", foi presa pela segunda vez, nessa quarta-feira (10), em Campinas (SP), por suspeita de aplicar golpes em, ao menos, cem vítimas de São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal, que ela conhecia em aplicativos de relacionamento.

De acordo com a Polícia Civil, ela exibia fotos sensuais para atrair vítimas. Após ganhar a confiança, a "Loba" produzia fotos e vídeos que provavam o envolvimento com ela e depois pedia dinheiro para expor o relacionamento nas redes sociais. Entre as vítimas está um delegado da Polícia Federal e a polícia investiga o envolvimento da mulher com políticos de Brasília.

Patrícia é procurada pela polícia do Distrito Federal e investigada, desde 2017, por  crimes de estelionato, difamação e extorsão, por usar o aplicativo de relacionamento para aplicar golpes.

A polícia chegou até a mulher durante outra investigação de estelionato. Ela já havia sido presa em 2018 no distrito federal depois de cometer os mesmos crimes. Na época, chegou a ficar seis meses na prisão, mas ganhou direito de cumprir a pena no regime semiaberto.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL