Filhos descobrem que o pai matou a mãe há 37 anos, o pressionam e ele confessa

Idoso de 78 anos matou a esposa porque ela descobriu caso com a empregada e pediu o divórcio

Redação Integrada de O Liberal com informações do G1

A história trágica do assassinato da mãe em um latrocínio, há 37 anos, não passava de uma mentira do real autor do crime, o próprio marido. Seis irmãos foram à delegacia da Polícia Civil em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá, nessa terça-feira (20), para denunciar o pai, que matou a mãe deles no interior de Quilombo, Santa Catarina, há 37 anos. Como o crime prescreveu, ele permanecerá livre.

A esposa foi assassinada ao descobrir o caso do marido com a empregada da família. Ela queria o divórcio, mas o marido não quis. Hoje ele ainda vive com a ex-amante, a antiga empregada.

Os filhos desconfiavam da história do assalto e resolveram investigar. Já circulava na cidade a história do assassinato encoberto como assalto. Os filhos então entrevistaram autoridades policiais da época do caso, além de enfermeiras e outras testemunhas. Depois de ser confrontado, o pai acabou confessando o assassinato de Pierina Carroro, morta no dia 25 de janeiro de 1982, segundo a família.

História sórdida

“Depois de três meses de investigação descobrimos que ele teve um caso extraconjugal, há mais de dois anos com a empregada. A mãe descobriu e quis se separar. Ele a chantageou e ela contou [sobre a traição] aos irmãos e amigas”, comentou a família.

Para pôr o plano em ação, o marido levou a mulher para uma viagem até a cidade de São Carlos (SC). O casal saiu de madrugada e o marido levou um revólver.

No meio do caminho, ele disse que o pneu do carro havia furado. Ele desceu, pegou uma pedra e bateu na cabeça da mulher. Depois, conforme confessou, ainda arrastou o corpo da esposa até uma sarjeta e atirou no peito dela, abandonando o corpo no local.

Para simular o assalto, jogou uma pedra no para-brisa do carro.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!