Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Filha ouve pelo telefone súplica da mãe: ‘Luciano, pelo amor de deus, não faz isso comigo’

Mulher acaba morta a facadas pelo ex-namorado, que está foragido

Redação Integrada com informações do G1

A mãe dizia para a filha, em conversava pelo telefone, que não queria mais o relacionamento abusivo com dos Santos Rodrigues, o ex-namorado, quando o homem resolveu cometer o feminicídio. Cátia Rosa Jesuíno, 52 anos, estava em casa. O suspeito fugiu. O caso aconteceu em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, no sábado, 12.

Segundo a família, Cátia Rosa havia acabado de chegar do trabalho. A filha, Monique Rosa, relatou que estava conversando com a mãe, pelo telefone, quando o crime aconteceu.

"Ela disse para mim que não queria mais aquele relacionamento abusivo porque uma hora ia acontecer o que acabou acontecendo ontem. A gente ficou conversando bastante tempo e a ligação caiu e ela retornou novamente. caiu novamente. Quando ela retornou novamente eu só ouvi no fundo ela falando... 'Luciano[ex-namorado], pelo amor de deus, não faz isso comigo’, e aí eu não consegui mais contato", disse.

Desesperada, a filha correu para a casa e econtrou a mãe morta no chão.

Parentes relatam que a vítima foi esfaqueada várias vezes por Luciano, com que ela teve um relacionamento de três anos.

O casal chegou a morar junto, mas Cátia decidiu pela separação por causa das agressões que sofria. Mas Luciano não aceitou a decisão, tentando várias vezes, sem sucesso, voltar.

No sábado (12), a filha foi reconhecer o corpo da mãe e fez um alerta sobre a violência.

"Não aceite o primeiro tapa. denunciem sim. E não se permita isso. Eu convivi três anos com esse assassino da minha mãe dentro da minha casa", desabafou.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL