CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Conselho de medicina aprova suspensão provisória de anestesista estuprador

Médico foi filmado estuprando uma paciente sedada durante o parto

O Liberal
fonte

O Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj) divulgou, nesta terça-feira (12), que foi aprovada a suspensão provisória do médico Giovanni Quintella Bezerra. O anestesista foi filmado estuprando uma paciente sedada durante o parto em um hospital de São João de Meriti (RJ), no último domingo (10). As informações são da Agência Brasil.

VEJA MAIS

image Profissional filmou anestesista estuprador após vê-lo esconder pênis ereto em jaleco
A enfermeira técnica percebeu que Giovanni Quintella estava com o órgão rígido, por debaixo da roupa, perto da cabeça da paciente desacordada

image Anestesista que estuprou grávida durante parto é suspeito de mais cinco abusos
O acusado teria cometido três estupros em um único dia, enquanto as mulheres estavam desacordadas devido cesariana

image Prisão de anestesista estuprador é convertida em preventiva e ele vai para Bangu
Giovanni Quintella Bezerra ficará sozinho em uma cela; mais cinco outros possíveis casos são investigados

Com a decisão do Cremerj, o médico fica impedido de exercer a função. De acordo com nota divulgada pela entidade, a decisão visa proteger a população e garantir a boa prática médica. Em paralelo, está sendo instaurado no conselho um processo ético-profissional para cassação definitiva do registro.

“Firmamos um compromisso com a sociedade de celeridade no que fosse possível e essa suspensão provisória é uma resposta. A situação é estarrecedora. Em mais de 40 anos de profissão, não vi nada parecido. E o nosso comprometimento não acaba aqui. Temos outras etapas pela frente e também vamos agir com a celeridade que o caso exige”, disse, em nota, o presidente do Cremerj, Clóvis Munhoz.

Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp e Telegram 📱
Brasil
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL