Certificados de covid-9 emitidos no Brasil serão reconhecidos pela União Europeia

Decisão tem o objetivo de facilitar a livre circulação na União Europeia

Emilly Melo

Os certificados de covid-19 emitidos pelo Brasil serão reconhecidos pela União Europeia (UE) como equivalentes ao documento digital do bloco. A decisão foi tomada, nesta sexta-feira (14), pela Comissão Europeia a fim de facilitar o direito de livre circulação na UE. Com informações do Uol. 

O comunicado oficial estabelece que, a partir de hoje, "o Brasil está conectado ao sistema da UE e a UE aceitará seu certificado da Covid nas mesmas condições que o certificado digital da Covid" dos países-membros.

Assim, os certificados emitidos na UE também terão validade no Brasil. "As decisões de hoje elevaram para 76 o número de países e territórios ligados ao certificado da Covid", enfatizou o comissário para a Justiça da Comissão Europeia, Didier Reynders. 

Os documentos provam a vacinação contra o novo coronavírus, o resultado negativo ou se a pessoa se recuperou da doença.

VEJA MAIS

Saúde libera vacina da Pfizer contra a covid para bebês de 6 meses; veja quem pode tomar
Faixa etária sem comorbidade ainda depende de aprovação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS

Senado aprova renovação das barreiras sanitárias em áreas indígenas para evitar a covid-19
Contenções devem ser compostas prioritariamente por servidores públicos federais ou por militares

 

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Hamilton Braga, coordenador do Núcleo de Política)

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL