Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Carregadores de celular podem mudar para padrão da Anatel; entenda

A Anatel realiza consulta pública para definir o caso e as contribuições podem ser enviadas até 26 de agosto deste ano. O USB tipo C pode virar o padrão no Brasil

Emilly Melo

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) realiza consulta pública para definir requisitos técnicos para padronizar os carregadores de telefones celulares no padrão “USB tipo C” no Brasil. As contribuições podem ser enviadas até 26 de agosto deste ano. 

VEJA MAIS

Uso de celular conectado ao carregador pode gerar superaquecimento, choque e até explosão
Em 2020, até o mês de maio, foram registrados no Brasil 15 acidentes entre choques e explosões com celulares

Procon multa Apple em R$ 10 milhões por celulares sem carregador
Gigante do mercado de celulares é alvo de queixas e abusos de mercado

Novo iPhone 12 será vendido sem carregador e assunto fica entre mais comentados do Twitter
Nova versão do smartphone foi anunciada nesta terça-feira, com uma série de novidades

A consulta será realizada após projeto do parlamento europeu incluir requisitos para harmonização de interface de carregamento por cabo de diferentes equipamentos, inclusive de celulares, que deverão integrar uma interface de carregamento, baseada no padrão USB tipo C. A escolha pelo modelo foi por ele ser utilizada pela maioria dos fabricantes globais e ter normatização internacionalmente reconhecida. 

Nos Estados Unidos, os parlamentares também solicitaram ao departamento de comércio do país a adoção de abordagem semelhante à da Europa. A definição do padrão de carregadores tem o objetivo de evitar custos desnecessários aos consumidores e diminuir o lixo eletrônico. 

A Anatel afirma que uma proposta com abordagem similar ao mercado internacional já foi criada para aplicação no Brasil, com abrangência de carregadores de celulares que a implementação depende da atualização dos requisitos técnicos vigentes na agência. 

(*Emilly Melo, estagiária, sob supervisão de Keila Ferreira, coordenadora do Núcleo de Política)

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL