Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Após recusar sexo, homem decepa pênis de colega e o mata brutalmente

O órgão genital da vítima foi encontrado dentro de uma panela.

O Liberal

Um homem de 48 anos foi preso após matar e decepar o pênis de um colega de trabalho. O crime aconteceu no dia 28 de agosto, em uma praia do litoral de São Paulo. O acusado foi preso na tarde desta quinta-feira (9) em uma cidade vizinha. As informaçõs são do portal Metrópoles.

De acordo com as investigações, o suspeito afirmou que matou o colega porque se recusou a fazer sexo com a vítima, que tinha 56 anos. O corpo foi encontrado na faixa de areia da praia, com marcas de facadas entre o tórax e o pescoço, além do pênis decepado. 

O crime teria acontecido em uma pousada. No local, havia várias manchas de sangue no quarto em que o suspeito se hospedou. Os policiais encontraram o órgão genital da vítima dentro de uma panela.

Após ser preso, o acusado contou que discutiu com a vítima no quarto da pousada. Os dois faziam uso de cocaína, e a vítima teria se aproveitado do estado de torpor provocado pela droga para tentar manter relações sexuais com ele.

Mas o acusado se recusou e golpeou o colega com uma faca. O assassino ainda tentou limpar o local do crime. Sem sucesso, ele arrastou o corpo da vítima até a praia, e fugiu em seguida.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM BRASIL

MAIS LIDAS EM BRASIL