Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Disfunção erétil: saiba quais causas mais comuns e principais hábitos que podem levar à condição

A disfunção erétil atinge mais de 100 milhões de homens no mundo todo, sendo mais presente a partir dos 40 anos; Tabagismo e má alimentação estão entre as principais causas

Gabriel Mansur

A disfunção erétil é a disfunção sexual mais comumente encontrada em homens após os 40 anos, sendo que mais de 100 milhões de pessoas em todo o mundo apresentam essa condição, segundo o Portal da Urologia. A incapacidade de manter a ereção do pênis pode ter diversas causas, e hábitos mais saudáveis podem ajudar a evitar a disfunção.

VEJA MAIS

Documentos judiciais apontam que Johnny Depp sofre de disfunção erétil
De acordo com os advogados da ex-mulher do ator, essa condição afetava a relação dos dois.

Broxou? veja como lidar com a disfunção erétil e melhore o desempenho no sexo
Entenda as causas, sintomas, como amenizar o problema na hora “H”

'Sexo Tunado': entenda como o consumo irregular de estimulantes sexuais coloca vidas em risco
Medicamento para disfunção erétil ao ser consumido sem orientação médica pode levar até a óbito

Não conseguir manter uma ereção adequada não significa necessariamente a disfunção erétil, mas caso a condição seja frequente, é preciso procurar ajuda médica. Problemas de saúde física e psicológica podem ser as possíveis causas para o distúrbio.

Saiba quais são as causas mais comuns para a disfunção erétil:

  • Problemas circulatórios;
  • Problemas neurológicos;
  • Problemas anatômicos ou estruturais;
  • Distúrbios hormonais;
  • Disfunção induzida por drogas;
  • Problemas psicológicos.

Além da dificuldade de manter a ereção do pênis, a disfunção erétil pode aparecer de outras formas, como a dificuldade para ejacular ou até mesmo ter um orgasmo. Além disso, quando ocorre a ereção adequada, a ejaculação precoce pode se apresentar como um problema.

Veja quais os cinco piores hábitos que podem levar a disfunção erétil:

  1. Fumar;
  2. Má alimentação;
  3. Sono desregulado;
  4. Estar acima do peso;
  5. Não cuidar da saúde mental.

Apesar de ser um problema que atinge grande parte dos homens, a disfunção erétil tem diversos tratamentos. Segundo o Portal da Urologia, mudanças no estilo de vida são imprescindíveis. Dependendo da causa, o tratamento pode ser não farmacológico, farmacológico ou cirúrgico.  

(Estagiário Gabriel Mansur, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

Saúde
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!