Vereadores alteram o programa Bora Belém; veja como fica

Programa da Prefeitura de Belém é destinado a famílias em situação de pobreza e de extrema vulnerabilidade socioeconômica

O Liberal
fonte

A Câmara Municipal dos Vereadores de Belém (CMB) aprovou nesta segunda-feira (21) uma modificação no projeto do programa Bora Belém, da Prefeitura de Belém. Agora beneficiários de outros programas sociais poderão também receber o auxílio municipal.

O Bora Belém foi aprovado por unanimidade pela CMB, em janeiro de 2021, e sancionado pelo prefeito. O programa é coordenado pela Fundação Papa João XXIII (Funpapa), e é destinado a famílias em situação de pobreza e de extrema vulnerabilidade socioeconômica. Mas o projeto original impedia o acúmulo de benefícios.

VEJA MAIS

image Programa 'Bora Belém' vai ser prorrogado por mais um ano, com valores atualizados; entenda
O ato de prorrogação será assinado na noite desta sexta-feira

O vereador Fernando Carneiro (PSOL) explica que “havia um impeditivo na lei original que dizia que quem recebia um benefício, não poderia acumular benefício recebendo outro”. O parlamentar afirma que uma alteração na legislação federal passou a permitir esse acúmulo e por isso os parlamentares tiveram que adequar a legislação municipal.

O projeto aprovado exclui o artigo que impedia o recebimento do Bora Belém e do Auxílio Brasil, do governo federal, por haver o entendimento de que “a percepção de ambos os benefícios é insuficiente çpara retirar os munícipes da extrema pobreza”.

Política
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA