Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Recepção ao presidente Jair Bolsonaro inclui churrasco para mais de duas mil pessoas

Evento organizado por ruralistas da região será aberto ao público

O Liberal

Aguardada com muita expectativa por ruralistas e empresários da região Sudeste, a visita do presidente Jair Bolsonaro tem provocado movimentação intensa no município de Marabá, onde ele participa, às 12h desta sexta-feira (18), da cerimônia de entrega simbólica de títulos de terras - em todo o Pará, serão 50 mil distribuídos pelo Incra, sendo 2 mil definitivos e 48 mil provisórios. O evento vai ser realizado no Parque de Exposições José Francisco Diamantino, cedido pelo Sindicato dos Produtores Rurais de Marabá (Prorural), que prepara uma grande festa para recepcionar a comitiva presidencial.

De acordo com o presidente do Sindicato, Ricardo Guimarães, a expectativa é que em torno de 200 pessoas estejam próximas ao cerimonial, e mais de duas mil acompanhem na área do Parque de Exposições. "Porque é uma entrega que envolve não só Marabá, mas o estado todo. E vem pessoas do estado todo, até fora".

Produtores rurais fizeram doações dos produtos necessários para preparar um churrasco, que será distribuído gratuitamente entre os presentes. A entrada no local do evento também deve ser liberada ao público.  "É a boa vinda dos produtores rurais. Quem estiver no evento, a gente vai fazer tudo pra atender a todos. Naturalmente, será preciso passar pelo crivo da segurança", declarou.

Sobre os cuidados para o controle de público e evitar aglomerações, Ricardo diz que ficará sob responsabilidade da segurança. "Isso é a critério deles, eles são bem criteriosos. Vai ser uma coisa bem organizada", afirma.

O presidente do Sindicato diz ainda que os produtores fizeram a doação e organizam o churrasco, seguindo o protocolo de segurança. "Mas quem manda no evento é o pessoal da Casa Civil, segurança do presidente. Mas estamos fazendo todo o possível", declarou. "Vai estar Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Exército, Força Nacional. É um pessoal que já está bem preparado para receber o presidente".

Até o momento, não está programada nenhuma agenda do presidente com os produtores rurais da região ou que ele almoce no local do evento. "Mas ele sempre quebra o protocolo", ressalta o presidente do Prorural, que destaca a importância da presença da comitiva presidencial para a região. A data da visita já foi alterada duas vezes: ia ser dia 10 de junho, depois dia 28 e foi confirmada para esse dia 18. "É muito importante esse pacto de regularização fundiária, não só pro produtor rural, que vai ter acesso a crédito, garantia, porque as pessoas estão na terra há mais de 30 anos, e também o município, para todos os setores que precisam", completou Ricardo Guimarães.

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA