Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Perto do prazo final, população busca emissão e regularização de títulos

Quem tem interesse em participar da votação deste ano deve comparecer a um dos postos do TRE-PA até esta quarta-feira (4)

Elisa Vaz

Às vésperas do fim do prazo para tirar ou regularizar títulos de eleitores, o fluxo de atendimentos do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) foi intenso nesta segunda-feira (2). Apenas quem estiver em dia com a Justiça Eleitoral poderá participar do pleito deste ano, que vai eleger presidente, governadores, senadores e deputados federais e estaduais.

A expectativa do Tribunal era de que 100 mil pessoas fossem atendidas nos últimos dias desse prazo aqui no Pará. Apenas no Núcleo de Atendimento ao Eleitor (NAE), no bairro da Pedreira, em Belém, 1.613 pessoas ficaram aptas a votar ontem, e mais 1.062 atendimentos foram feitos no domingo. Um total de 50 guichês estão disponíveis para quem comparecer ao local, e a organização garante que o atendimento é célere – muitas vezes, não passa de 10 minutos por pessoa. Isso porque, com a pandemia da covid-19, a biometria foi suspensa, e quem está tirando o título agora segue os moldes antigos, sem cadastramento da identificação biométrica. Assim, em outras eleições, serão chamados para finalizar o processo.

Chefe do NAE, Zilomar Pereira explica que, nos últimos dias, a procura tem sido grande. “É tradicional que a população deixe isso para a última hora. Mas estamos com uma estrutura boa, com 50 guichês, o que deixa o atendimento bem rápido. Aumentamos o número de atendentes justamente por isso. Do momento em que o eleitor adentra o espaço do TRE até a hora em que sai, não demora mais do que 10 minutos porque, às vezes até menos. Hoje só tivemos um atraso porque o sistema caiu no país todo”, relata. O Núcleo, geralmente, funciona das 8h às 13h, mas o horário foi ampliado para as 17h até o prazo se encerrar.

Entre os tipos de atendimentos, o mais comum foi a emissão do primeiro título, chamado de alistamento. Segundo Zilomar, o público jovem é o que mais tem procurado as unidades de atendimento. Além disso, estão sendo feitas regularizações e transferências de zona eleitoral, dentre outros serviços. Embora a unidade da Pedreira seja o principal posto, porque há uma estrutura maior e a demanda é livre, existem outros locais onde a população pode ir, como as Estações Cidadãs em shoppings e no bairro do Guamá e as Usinas, todos com horário marcado previamente. O TRE-PA ainda não contabilizou os atendimentos de toda a cidade nesta segunda-feira.

Adolescente tira seu título

Embora não seja obrigatório votar antes da maioridade, a estudante Katrine Azevedo, de 17 anos, está ansiosa para exercer seu papel de cidadã este ano. Para ela, sempre foi uma vontade participar de uma eleição, mas, nos últimos anos, isso se reforçou. “A situação do Brasil é a pior. Eu poderia ter deixado para participar só quando fizesse 18 anos, mas eu acho fundamental me posicionar agora, com a mentalidade que eu tenho, com a minha consciência. A gente está vivendo um momento importante na política brasileira, que vai virar história, e eu quero fazer parte desse momento”, diz.

Para os adolescentes que não querem votar na corrida eleitoral deste ano por não ser obrigatório, a estudante deixa um recado: “Se vocês não concordam com o que está acontecendo, vocês podem mudar isso agora, mesmo falando só dois dias ainda dá tempo. Mesmo deixando para a última hora, estou aqui, ainda tem gente que poderia também. É isso que dói; tem muita gente reclamando e pouca gente se posicionado”. Katrine ainda elogiou o atendimento do Núcleo: muito bom e rápido, nas palavras dela. A estudante só deixou para os últimos dias porque estuda em tempo integral e precisou dar uma “fugida”, conta.

Eleitoras se regularizaram

A autônoma Ana Cardoso, de 33 anos, estava aguardando a regularização do seu título na tarde desta segunda-feira. Na última eleição, ela deixou de votar no segundo turno e não apresentou justificativa, então ficou com uma pendência. “Só pude vir agora por causa do trabalho, dei uma escapada agora à tarde para não perder o prazo. É muito importante votar. Muitas pessoas lutaram por isso e temos que fazer nossa parte, buscar nossos direitos, porque como vamos reclamar ou querer lutar por algo se não cumprimos nosso papel?”, questiona. No seu caso, o atendimento demorou um pouco, porque ela esteve no local na hora que o sistema estava fora do ar.

Já a técnica de enfermagem Alcione Almeida, de 52 anos, compareceu ao Núcleo ao lado do marido e do filho. Os três foram trocar a zona eleitoral e passam, neste ano, a votar no mesmo local. “Viemos trocar para uma escola no mesmo bairro, porque é muito distante de casa e um pouco perigoso onde votamos, então ficou melhor. E agora todo mundo vai votar junto”, comemora a eleitora.

Onde emitir ou regularizar título de eleitor na Grande Belém

- Núcleo de Atendimento ao Eleitor (NAE)

Travessa Pirajá, sem número, no bairro da Pedreira, das 8h às 17h

- Estação Cidadania do Guamá

Avenida José Bonifácio, 2308, no bairro do Guamá, das 8h às 14h

- Estação Cidadania Pátio Belém

Shopping Pátio Belém, na Avenida Padre Eutíquio, 1078, das 10h às 16h

- Estação Cidadania Grão Pará

Shopping Bosque Grão Pará, na Avenida Centenário, 1052, térreo, das 10h às 16h

- Estação Cidadania Metrópole Ananindeua

Shopping Metrópole Ananindeua, na rodovia BR 316, 4.500, bairro Coqueiro, em Ananindeua, das 10h às 16h

- Distrito de Mosqueiro

Posto de atendimento na Praça da Matriz, na Vila, das 8h às 17h

- Usina da Paz Cabanagem

Avenida Damasco, 37, no bairro da Cabanagem, em Belém, das 9h às 17h

- Usina da Paz Icuí

Estrada Icuí-Guajará, no bairro Icuí-Guajará, em Ananindeua, das 9h às 17h

- Usina da Paz Nova União

Rua Bom Sossego, no bairro Nova União, em Marituba, das 9h às 17h

Serviços oferecidos

- Emissão de primeira e segunda via do título eleitoral

- Regularização

- Atualização de dados

- Transferência do local de votação

- Inclusão do nome social para pessoas LGBTQIA+

- Pedido de seção com acessibilidade para idosos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida

Mais informações podem ser obtidas no Disque Eleitor (91 3346-8100), de segunda a sexta-feira, de 8h às 14h, e também no 148.

Fonte: TRE-PA

Palavras-chave

Política
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

RELACIONADAS EM POLÍTICA

MAIS LIDAS EM POLÍTICA